Fechar
Buscar no Site

Felipe Camarão fala sobre principais desafios do MA e do Brasil na década

Respeitar as diferenças e avançar na garantia de direitos fundamentais, assegurados pela constituição brasileira e pela ONU – Organização das Nações Unidas, por meio da Declaração Universal dos Direitos Humanos. Esses são alguns dos maiores desafios do Maranhão, que, assim como o restante do Brasil, tem uma população marcada pela desigualdade social. “Desigualdade de direitos e deveres é uma das principais causas da violência. Outra grande causa é o desrespeito às diferenças. Em uma sociedade tão diversa, as políticas públicas, as instituições de ensino, as famílias e todas as organizações sociais devem ser pautadas no mais profundo e intrínseco respeito a essa pluralidade, se quisermos preservar e fortalecer o processo democrático”, enfatizou o professor e Secretário de Estado da Educação, Felipe Camarão, durante a aula magna do curso de Direito, da Faculdade Estácio São Luís, na última terça-feira (12).

Com esse tema sempre presente no universo acadêmico e retratado nos meios de comunicação, nas mais diferentes sociedades, a aula proporcionou aos estudantes uma compreensão mais aprofundada sobre a temática, o processo histórico da democracia, a crise política no sistema e os desafios a serem superados no Maranhão. “Fiquei muito honrado pelo convite e é muito prazeroso ministrar aulas, fui professor da Estácio e sei da grande responsabilidade social da instituição”, ressaltou Felipe Camarão.

Renata Costa, aluna do segundo período de Direito, ficou atenta a todos os ensinamentos compartilhados e, ao fim, falou sobre o quanto a aula a despertou para um novo olhar “Foi uma aula muito produtiva, informações que servem de base tanto para o nosso estudo como para a nossa vida. Temos que respeitar e aceitar as diferenças, em relação à cor da pele, à orientação sexual, ao poder econômico das pessoas; evitar preconceitos e ser tolerante para viver de uma forma melhor na sociedade”, destacou.

Como futuros profissionais do Direito, os estudantes também perceberam o quanto precisam debater, no ambiente acadêmico, questões como as expostas pelo palestrante Felipe Camarão, se quiserem contribuir efetivamente para uma sociedade mais justa. O calouro João Felipe Amorim acredita que algumas situações mencionadas na aula serão vivenciadas no decorrer do curso e no mercado de trabalho. “Esse momento de hoje serviu para termos uma ideia das causas com as quais vamos nos envolver e presenciar durante o curso e no momento em que estivermos trabalhando, independentemente da área de atuação, pois os Direitos Humanos perpassam todos eles”, lembrou o acadêmico.

Direito em pauta

Paulo Henrique Furtado (Prof. Direito), Reis Rocha (Coord. Contábeis), Antônio Teixeira (Diretor Estácio), Felipe Camarão (Sec. Educação), Diogo Santos (Coord. Direito) e Guilherme Santana (Prof. Direito)

A cada semestre, o curso de Direito da Estácio São Luís convida um palestrante de renome regional e/ou nacional para ministrar a aula magna, ou seja, a primeira grande aula da graduação, como forma de incentivar iniciantes e veteranos a permanecerem firmes no propósito de serem excelentes nas profissões escolhidas. O coordenador do curso, Diogo Santos, explicou a importância da escolha dos temas das aulas magnas. “Na Faculdade Estácio, nós fazemos esse esforço e temos a ideia muito clara de contribuir não somente para a construção da humanidade globalmente, mas também de contribuir para a construção da pessoa humana, do bem-estar social, em nossas casas, nas nossas famílias, nas nossas relações”.

Sobre o convite feito a Felipe Camarão, Diogo Santos foi enfático: “O Secretário nos honrou com a gentil e brilhante presença e os acadêmicos estão bastante satisfeitos com essa troca de conhecimento, que foi muito enriquecedora”.

O diretor geral da Estácio de Sá, Francisco Antônio Teixeira, ressaltou que eventos como carregam o escopo da instituição. “A nossa missão é educar para transformar e, perseguindo a nossa missão, nada mais justo e mais apropriado do que possibilitarmos aos nossos estudantes esses momentos com grandes conhecedores do Direito e da Educação. A avaliação dos estudantes é muito positiva ao receberem esse conhecimento com grande entusiasmo”, concluiu o Diretor.

O conteúdo deste blog é livre e seus editores não têm ressalvas na reprodução do conteúdo em outros canais, desde que dados os devidos créditos.

Uma resposta para “Felipe Camarão fala sobre principais desafios do MA e do Brasil na década”

  1. Reynaldo Aragão Pinto Filho disse:

    Uma aula magna é sem duvida o que chamo de um grande passo inicial de motivação e vivencia passado pelo palestrante a muitos acadêmicos,que na sua maioria se decepcionam no decorrer do curso escolhido. Tenho certeza que a juventude e o grande conhecimento do jovem professor Felipe Camarão,elevou muito o entusiamo dos futuros doutores presente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

mais / Postagens