Fechar
Buscar no Site

‘MDB corre o risco de desaparecer’, afirma ex-senador e ex-governador

Com a autoridade de quem é filiado ao MDB desde 1965, o ex-senador e ex-governador do Rio Grande do Sul Pedro Simon diz que o partido deve fazer uma “profunda reflexão” porque, se continuar como está, “corre risco de desaparecer”. Em entrevista ao Estado, ele diz considerar “um absurdo” a permanência do ex-senador Romero Jucá na presidência do partido.

Aos 90 anos e sem mandato, Simon segue fazendo política partidária e abraçando causas, como a defesa da Operação Lava Jato. Ao analisar o governo Jair Bolsonaro, o emedebista elogia a aprovação da reforma da Previdência, mas faz duras críticas à indicação de Eduardo Bolsonaro, filho do presidente, para a embaixada nos EUA e às declarações sobre a Argentina. “Bolsonaro tem uma incontinência verbal que desconfio ser um problema psicológico”, diz Simon, com a contundência que marcou sua passagem pela vida pública.

A seguir, os principais trechos da entrevista:

O sr., que é um quadro histórico do MDB, continua se sentindo representado pelo partido?

Acho que o MDB deveria fazer uma profunda reflexão. Se ficar como está, há o risco de desaparecimento do partido. Fui na Assembleia Legislativa de São Paulo e vi que o MDB só tem 3 deputados de quase 100. Lembro quando o MDB tinha metade do Parlamento. Na época da ditadura, ser do MDB era lutar contra ela. Era mais fácil ser do partido. Mas, com o tempo, isso foi se esvaziando.

ctv-xnr-pedro-simon

O que acha da permanência do ex-senador Romero Jucá na presidência do MDB?

É um absurdo. Ele deveria estar afastado. O presidente do partido tem de ser uma figura unânime na seriedade, dignidade e correção. Sem um pingo de resquício. Romero não é a pessoa certa para ser presidente do MDB. É negativo.

Como se sentiu ao ver o ex-presidente Michel Temer preso?

Com todo respeito, os fatos existem e devem ser apurados. Ele vai ter todo direito de se defender, mas não dá para dizer que há um dossiê de coisas equivocadas. Aquela gravação onde ele marca uma reunião à meia-noite no Palácio foi uma infelicidade.

Michel Temer deve ir para a cadeia?

Ele vai ser denunciado e vai ter de se defender.

O sr. aprova o governo do presidente Jair Bolsonaro?

Na formação do ministério, chamou a atenção a escolha de dois nomes: Sérgio Moro e Paulo Guedes. Bolsonaro foi feliz nessas escolhas. Ele integrou toda a área econômica. Outro lado positivo é que não teve ‘toma lá, dá cá’ na escolha do ministério. Houve um exagero no número de generais, mas não há nenhum que tenha sido comprometido com a ditadura. A reforma da Previdência também foi altamente positiva. Na Grécia e na Europa quase teve guerra civil no processo da reforma.

A lei anticorrupção também é muito importante. Há um movimento na cúpula dos partidos para acabar com a lei anticorrupção. A Lava Jato é o fato de maior importância na história do Brasil. Tenho quase 70 anos de vida pública. No Brasil, o sujeito para ser preso tem de ser condenado em sentença definitiva. Ninguém é condenado em definitivo. Prescreve antes. A decisão de prender após a 2.ª instância mudou o Brasil. Mas querem derrubar isso.

Por quê?

Querem soltar o Lula (Luiz Inácio Lula da Silva) não porque gostam dele, mas porque, se ficar na cadeia, não tem motivo para os outros não irem também. Os corruptos do MDB e do PSDB têm de ir para a cadeia também.

Lula deveria ser preso comum?

Claro que não. Ele foi cinco vezes candidato à Presidência e ganhou em duas. Merece uma prisão especial. Seria um absurdo trazer ele para a prisão comum aqui em São Paulo.

ctv-lcw-pedro-simonn

O que acha do presidente Jair Bolsonaro?

O presidente tem uma incontinência verbal que desconfio ser um problema psicológico. Não sabe se conter. Parece piada. Foi 27 anos deputado e nunca foi líder, presidente de comissão ou teve um projeto que se destacasse. Aí assumiu a Presidência e está criando uma crise com a Argentina. Nós vamos romper com a Argentina? Se as coisas ocorrerem dentro da normalidade, a oposição já ganhou a eleição lá.

Apesar das críticas, o sr. ainda acha que Bolsonaro foi melhor opção que o PT?

Eu diria que ele está continuando o que foi feito. Está levando adiante a Lava Jato. A reforma da Previdência foi um passo importante. Nunca se fez uma reforma da Previdência. Nunca tiveram coragem.

O que acha da indicação de Eduardo Bolsonaro para ser embaixador em Washington?

Um absurdo. Não tem lógica.

O sr. elogia a nomeação de Moro para o ministério, mas as mensagens obtidas pelo site The Intercept Brasil sugerem uma suposta colaboração entre o ex-juiz e a força-tarefa da Lava Jato. Os fins justificam os meios?

Não justificam, mas não dá para anular tudo e voltar para a estaca zero. São duas coisas. Quer discutir se houve exagero e equívoco, tudo bem. Mas faço a pergunta: não existiu a roubalheira da Petrobrás?

A credibilidade de Sérgio Moro não foi comprometida?

As irregularidades que podem ter acontecido não podem, como alguns querem, anular a Lava Jato. Não podem voltar atrás e mandar para a cadeia só após condenação em última instância.

Bolsonaro apoiou a decisão de Dias Toffoli (presidente do STF) sobre o Coaf que paralisou a investigação do (senador) Flávio Bolsonaro. O que achou desse episódio?

Acho negativo paralisar as investigações.

O que o sr. achou do projeto de abuso de autoridade?

As autoridades sempre fizeram o que quiseram. Isso vai assustar juízes e promotores. O objetivo é assustar quem faz denúncia.

Há espaço para a construção de uma candidatura de centro para a eleição presidencial de 2022?  O que acha do apresentador Luciano Huck?

Só o fato de ele ser um nome é uma piada. É um cidadão respeitável, mas é uma piada. Se bem que o Fernando Collor ganhou.

O Estadão

O conteúdo deste blog é livre e seus editores não têm ressalvas na reprodução do conteúdo em outros canais, desde que dados os devidos créditos.

6 respostas para “‘MDB corre o risco de desaparecer’, afirma ex-senador e ex-governador”

  1. JOÃO disse:

    PMDB–MDB um QUADRILHÃO DE LADRÕES DE BILHÕES DO BRASIL—- tão corrupto e ladrão como o PT- PARTIDO DAS TREVAS e PSDB —-TODOS LADRÕES com quadrilhão super treinados em roubar…roubar..roubar… todos morrendo de medo da LAVA JATO—PRISÃO —PRISÃO EM SEGUNDA INSTÂNCIA …… querem continuar roubando …..em paz….. sem prisão ….numa boa.

  2. Pericles disse:

    Sarney e Pedro Simon NUNCA TRABALHARAM,Sarney e Simon SEMPRE viveram da exploração política. Os dois recebem, cada um, mais de R$ 80.000,00 por mês SÓ com aposentadorias.Simon foi ministro de Sarney, da agricultura, e seu maior feito foi IMPORTAR ( de maneira fraudulenta ) 800.000 Toneladas de carne PODRE da Rússia. Simon e Sarney estão Ricos, assim como os filhos e netos deles , tambem estão .

  3. Nana disse:

    Tudo o que o Brasil tem hoje graças ao MDB,e velha política.vamos vê novo político tá precisado agora.o tempo é remédio de tudo.

  4. Tayrone disse:

    QUADRILHÃO DO PMDB–MDB — antes de desaparecer —- devem ir para a PRISÃO —são LADRÕES DE BILHÕES DO POVO BRASILEIRO—-quadrilhão do PT—quadrilhão do PSDB—todos canalhas–ladrões— honoráveis bandidos políticos ladrões de bilhões do povo brasileiro— e ainda fazem posse de HONORÁVEIS …..cruz credo xô ladrões para o inferno….urgente—mas VASO RUIM NÃO QUEBRA —

  5. Sidney disse:

    OS MEMBROS DO QUADRILHÃO DO PMDB-MDB—ladrões de bilhões do povo — são os mais erados do panteão da roubalheiras de bilhões do Brasil —isso significa que todos já estão com PÉ NA COVA—em breve vão acertar as contas com DEUS e sua justiça e terão pela frente SÉCULOS de sofrimentos onde há choro e ranger de dentes .É A COLHEITA DO QUE PLANTARAM —-PLANTOU TERÁ QUE COLHER— viu seus honoráveis bandidos –políticos–LADRÕES e LADRONA de bilhões do povo .

  6. Pedro disse:

    O velhote está certo o MDB passou o tempo todo na sombra dos partidos comendo no mesmo prato apoiando corrupção Do PT pensava que nunca ia acabar essa mamata os ministérios mais importante era do MDB, e a maior quantidade estavam mal acostumados os ministros sem conhecimento técnico entrava na base do tomaladacar isso
    Acabou o sarney indiciou Lobão Pedro
    Novais, Gastão Vieira, agora mudou tem que ser técnico na área. essa velharada do MDB estão no fim da carreira, o partido está com uma quantidade de políticos presos pelo andar da carruagem o MDB não vai muito longe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

mais / Postagens