O condomínio Jaracaty Shopping, que tem o ex-senador do PMDB José Sarney como um dos sócios, já recebeu mais de R$ 1,9 milhões em pagamentos pela locação do prédio para o governo do Estado, nos últimos oito anos, segundo pesquisa feita pelo blog.

Oito salas no subsolo do imóvel foram locadas pelo governo do Estado, em 2009, ano em que Roseana Sarney voltou ao governo, depois do golpe judicial que afastou o ex-governador Jackson Lago. Somente de janeiro de 2010 a dezembro de 2016, o peemedebista como um dos principais acionistas do imóvel localizado na Avenida Euclides Figueiredo, nº 3000, no Calhau, já recebeu exatos R$ 1.927.130,53.

Neste período, por mais de quatro anos, o prédio de Sarney foi pago pela filha a ex-governadora Roseana Sarney, também do PMDB. O contrato foi renovado pelo atual governo dentro dos parâmetros legais e sem restrições a ideologia ou partidos políticos. Mesmo critério republicano utilizado pelo governo do Estado para locar o imóvel que abriga o Centro de Juventude Aurora.

Contudo, salta aos olhos, neste caso, o súbito interesse do sistema de comunicação da família Sarney em noticiar com estardalhaço um processo absolutamente legal feito pela Funac, o contrato de locação do prédio na Aurora.

Tamanho empenho não houve em relação aos milhões recebidos por Sarney no governo da filha. Mas, isto certamente é apenas coincidência.