Fechar
Buscar no Site

Zé Salim e Dona Yêda, a companheira inseparável

O jornalista José Salim perdeu, há um mês, Yêda Stela, sua companheira inseparável


Faz um mês nesta quinta-feira (10) que o jornalista José Salim perdeu Yêda Stela, sua esposa e companheira inseparável. Eles eram personagens e protagonistas de uma daquelas impressionantes histórias de amor para a vida toda. Viveram juntos durante 54 anos.
Yêda Stela Salim Rosa, professora e regente de Canto Coral, faleceu em São Luís, no dia 10 de outubro passado, aos 74 anos de idade. Ela teve ativa participação na vida cultural maranhense. Como técnica do Departamento de Assuntos Culturais da Universidade Federal do Maranhão (DAC/UFMA), coordenou, por anos, o Festival Maranhense de Coros (Femaco).
Também foi diretora-administrativa financeira do Teatro Arthur Azevedo (TAA), na administração da diretora Nerine Lobão, quando colaborou com a criação do Núcleo Arte-Educação. Na idade madura, cursou Teatro na UFMA e fez algumas apresentações como atriz amadora.
Esposa do jornalista José Salim, de 76 anos, Yêda é mãe de José Salim Júnior, servidor do Ministério Público do Trabalho, em Curitiba (PR), e formado em Ciências Contábeis pela UFPR; e Pedro Augusto Salim Rosa, graduando em Letras-Inglês na UFMA.

O conteúdo deste blog é livre e seus editores não têm ressalvas na reprodução do conteúdo em outros canais, desde que dados os devidos créditos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

mais / Postagens