Fechar
Buscar no Site

Kalil Mohana: memórias de um mestre de toda uma geração de maranhenses

Kalil Mohana (1935-2010), autor do livro “Viajando e Educando: As grandes Viagens”, deixou um legado formidável para a cultura do Maranhão


O professor Kalil Mohana (1935-2010), escritor falecido aos 75 anos de idade, em dezembro de 2010, escreveu a sua própria história e um pouco da história do mundo em livros que deixou para o julgamento da posteridade.
Homem de vasto conhecimento cultural, dono de uma erudição estruturada a partir de graduações e especializações nos campos da Teologia, Geografia e História, Kalil Mohana dedicou-se também à formação didática de seus alunos. Um de seus livros em destaque nessa área, “Viajando e Educando” e, outro, “As Grandes Viagens”, explica sua trajetória de conhecedor do mundo.
O escritor pertencia a uma família na qual o cristianismo se exacerbava pela solidariedade, fraternidade e aconselhamento. Era irmão do também cultor das letras e erudito Padre Mohana, que despendeu muito tempo se preocupando com a vida desregrada e o sofrimento inato de poetas maranhenses.
Em uma loja da Rua Afonso Pena, nas proximidades do Jornal Pequeno, Kalil Mohana era visto e ouvido cotidianamente por muitos interlocutores que apreciavam sua erudição. Filósofo por formação e intuição, ocupava-se deliberadamente em desvendar os mistérios da consciência humana.
O comportamento humano era a matéria prima das principais digressões do velho professor e filósofo da Cades, Universidade Federal do Maranhão, Faculdade de Filosofia, Maristas e Ateneu Teixeira Mendes.
Um dos fundadores da Universidade Estadual do Maranhão, Kalil Mohana deixou muitas saudades entre todos aqueles que tiveram o apanágio de viver na pacífica e antiga São Luís e também na agitada São Luís dos dias de hoje.
Kalil Mohana era filho de Miguel e Anice Mohana, cristãos libaneses maronitas, que se mudaram para o Brasil, dentre outros motivos, perseguição dos turcos islamitas contra os cristãos libaneses maronitas e a área reduzida do Líbano. Resolveram se estabelecer nas cidades de Coroatá, Bacabal e Viana. Esta última foi o local onde Kalil nasceu em 8 de novembro de 1935.
Cursou o Primário e o Ginásio no Colégio Marista, o científico no Ateneu Teixeira Mendes e São Luís. Fez os cursos de Geografia, História e Didática na Faculdade Filosofia, semente da Universidade Federal do Maranhão.
Dirigiu a CADES de 1963 a 1971, ensinou no Marista, na Escola Normal do Estado, em vários cursinhos Pré-Vestibular, na Federação das Escolas Superiores e foi um dos fundadores da Uema (Universidade Estadual do Maranhão), onde ensinou durante vários anos.
Conheceu praticamente o mundo inteiro (por meio de rápidas viagens) realizou 35 viagens com alunos do Colégio Maristas, e 91 com formandos universitários. Era membro efetivo do Instituto Histórico e Geográfico e ocupou a cadeira de nº 8 da Academia Vianense de Letras (AVL), patroneada por seu irmão, o médico, escritor e padre João Mohana,

O conteúdo deste blog é livre e seus editores não têm ressalvas na reprodução do conteúdo em outros canais, desde que dados os devidos créditos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

mais / Postagens