Fechar
Buscar no Site

Taekwondo e Para taekwondo nas escolas públicas de São Luís

Crianças em situação de vulnerabilidade social são o principal público alvo do projeto

Você conhece o Taekwondo? E o Para taekwondo? Esse esporte olímpico (e paralímpico), que significa “caminho dos pés e das mãos”, favorece o equilíbrio do físico e da mente com o propósito de estimular a confiança na realização de tarefas, a capacidade de liderança e o respeito ao próximo. Pensando nisso, a SEEL – Consultoria e Gestão Esportiva, desenvolveu o Projeto de Para taekwondo e Taekwondo para Escolas Públicas que proporciona aos inscritos a possibilidade de uma atividade física que permite relações interpessoais, integração e interação entre crianças e adolescentes com suas particularidades de forma inclusiva.

A modalidade também proporciona a melhorias das valências físicas: (agilidade, força, flexibilidade, entre outros), além da consciência corporal dos alunos, elevando a qualidade de vida dos participantes após o período de ausência de práticas sociais, esportivas e educativas, por conta da pandemia. Um dos objetivos principais do projeto é desenvolver os valores, senso crítico e o respeito às diversidades já que foi pensado para qualquer indivíduo de escola pública dentro da faixa etária de 7 a 14 anos. Vale destacar também seu alcance social, já que crianças em situação de vulnerabilidade social são o principal público alvo.

Tudo isso é possível através do patrocínio da Equatorial Energia Maranhão, por meio da Lei de Incentivo ao Esporte, e o apoio da SEDEL disponibilizando os materiais específicos para a prática do esporte como a vestimenta apropriada (DOBOK), os protetores, os equipamentos de treinamentos (raquetes, sacos) e ainda possibilita a participação de crianças com deficiência que dificilmente têm acesso às práticas esportivas.  Atualmente o projeto acontece em 3 locais: na Praça da Juventude (sede), Escola Vila Operária (polo 1) e no Residencial Armindo Reis (polo 2).

 

O conteúdo deste blog é livre e seus editores não têm ressalvas na reprodução do conteúdo em outros canais, desde que dados os devidos créditos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

mais / Postagens