Fechar
Buscar no Site

Projeto “Criança Feliz” será lançado nesta quarta-feira (6) na Vila Nova

PROJETO UNE EDUCAÇÃO E ESPORTE PARA CRIANÇAS DA VILA NOVA

O esporte como forte motivador de inclusão social, de formação de alunos e cidadãos melhores, pois, aliada à educação, a atividade esportiva obtém resultados significativos no fortalecimento da cidadania. Unir essas duas áreas e melhorar a qualidade de vida das crianças da comunidade Vila Nova, em São Luís, é o objetivo do Projeto Criança Feliz, que será lançado nesta quarta-feira (6), às 10h, na sede da Creche Nossa Senhora das Graças, localizada na Travessa Bela Vista, na Vila Nova.

 A iniciativa tem execução pela Associação Beneficente de Mães da Vila Nova e é patrocinada via Lei Estadual de Incentivo ao Esporte pelo Grupo Potiguar e pelo governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado do Esporte e Lazer (Sedel). O Criança Feliz é uma oportunidade no judô e no balé para 56 alunos da Creche Nossa Senhora das Graças, que trabalha com um público infantil de dois a cinco anos de idade. Vale ressaltar que, estas modalidades esportivas já são realizadas, há pelo menos cinco anos, graças ao voluntariado de professores.

O grande diferencial com o lançamento do projeto é que, graças a Lei Estadual de Incentivo ao Esporte, o Criança Feliz contará com o suporte financeiro do Grupo Potiguar. A empresa já é uma parceira de longa data da creche, ao contribuir com reformas e manutenções estruturais do espaço.

A coordenadora da Creche Nossa Senhora das Graças, Arlete Pereira, que também coordena o projeto, declarou que a parceria entre Associação, Grupo Potiguar e Sedel representa ganhos inestimáveis.

“Pela primeira vez, somos contemplados com a Lei de Incentivo, e isso significa que nossos professores passarão a ser remunerados. Temos a garantia que os nossos alunos de judô e de balé receberão uniformes e refeições, além do aprendizado. Nos últimos dez anos, temos contado com a ajuda da Potiguar, com contribuições significativas para a manutenção estrutural do prédio da creche, e, desta vez, felizmente, a empresa será a mantenedora do projeto, por meio da lei”, destacou Arlete.

O conteúdo deste blog é livre e seus editores não têm ressalvas na reprodução do conteúdo em outros canais, desde que dados os devidos créditos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

mais / Postagens