Fechar
Buscar no Site

Texto do Roberto Veloso, publicado na PG do dia 23/01/22

JESUS VENCEU AS TENTAÇÕES

Por Roberto Veloso

Então, Jesus lhe ordenou: Retira-te, Satanás, porque está escrito: Ao Senhor, teu Deus, adorarás, e só a ele darás culto. Com isto, o deixou o diabo, e eis que vieram anjos e o serviram.” (Mateus 4:10,11)

Jesus nos mostra no episódio das tentações que é possível vencê-las com a palavra de Deus, a Bíblia. É certo que elas sempre virão, mas podemos enfrenta-las e não nos deixar cair, conforme está escrito na oração que Jesus nos ensinou.

Quando estamos fortalecidos espiritualmente, a tentação passa ao largo porque não há lugar e brecha para ela adentrar. Satanás, porém, é covarde e ataca quando ele sente a fraqueza do ser humano.

Assim ele tentou fazer com Jesus Cristo que havia passado 40 dias e 40 noites sem comer. Atacou Jesus quando Ele teve fome.

“E, depois de jejuar quarenta dias e quarenta noites, teve fome. Então, o tentador, aproximando-se, lhe disse: Se és Filho de Deus, manda que estas pedras se transformem em pães.” (Mateus 4:2,3)

Essa tentação é a da satisfação dos desejos da carne. O espírito milita contra a carne e esta contra aquele. Foi a mesma tentação a que foram submetidos Adão e Eva. A Bíblia nos diz que a justificativa de Eva para ter comido o fruto da árvore proibida era porque era agradável para comer.

Jesus respondeu à tentação da carne com Deutenonômio, 8,3b: “… para te dar a entender que não só de pão viverá o homem, mas de tudo o que procede da boca do Senhor viverá o homem.”

A segunda tentação foi a concupiscência dos olhos ou a glória dos homens:

“E lhe disse: Se és Filho de Deus, atira-te abaixo, porque está escrito: Aos seus anjos ordenará a teu respeito que te guardem; e: Eles te susterão nas suas mãos, para não tropeçares nalguma pedra.” (Mateus 4:6)

Naquela época, o átrio do templo de Jerusálem era repleto de pessoas, esperando a saída do sacerdote do santo dos santos para lhe trazer uma palavra. Satanás tentou Jesus para ser aplaudido e as pessoas que ali estavam se maravilhassem com os anjos descendo-O nos braços.

Jesus responde com Deuteronômio 6,16: Não tentareis o Senhor, vosso Deus, como o tentastes em Massá.

A terceira tentação foi a soberba da vida, o desejo das glórias do mundo, por isso Satanás prometeu a Jesus todos os reinos, desde que este se ajoelhasse aos seus pés.

Jesus diz a Satanás o que está escrito em Deuteronômio 6,13: “O Senhor, teu Deus, temerás, a ele servirás, e, pelo seu nome, jurarás.”

Essas tentações estão a todo dia nos rodeando, querendo nos tragar (devorar). Jesus nos mostra o caminho para não cair, estar firme na rocha de Sua palavra, com fé, pois Ele é o Senhor e Salvador de nossas vidas.

O conteúdo deste blog é livre e seus editores não têm ressalvas na reprodução do conteúdo em outros canais, desde que dados os devidos créditos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

mais / Postagens