Fechar
Buscar no Site

Texto do Roberto Veloso publicado na PG do Jornal Pequeno do dia 13/10/2019

AGRADEÇO AO SENHOR, MEU DEUS

Por Roberto Veloso
Igreja Batista do Olho D´Água (São Luís-MA)
@robertoveloso_

“Pai, graças te dou porque me ouviste. Aliás, eu sabia que sempre me ouves, mas assim falei por causa da multidão presente, para que creiam que tu me enviaste” (João, 11:41b-42)

O exemplo de Jesus na passagem da ressurreição de Lázaro é um ensinamento maravilhoso sob duas visões. Uma da gratidão, Jesus é grato ao Senhor em tudo que Ele faz. Outra da fé, porque Jesus agradeceu a ressurreição de seu amigo antes que ela ocorresse.

Viver agradecido e agradecendo ao Senhor em tudo que ocorre em nossas vidas é uma das melhores maneiras de se viver em paz. A ingratidão corrói o coração. Este fica triste e sofrido por não haver gratidão.

Por isso, a alegria do Senhor é a nossa força. Estar em paz com Deus e consigo mesmo, traz como consequência a alegria. Um sentimento de plena satisfação e alegria indescritível, que somente se alcança em relacionamento de gratidão com Deus. Jesus falou sobre essa alegria:

“Se guardardes os meus mandamentos, permanecereis no meu amor; assim como eu tenho guardado os mandamentos de meu Pai e no seu amor permaneço. Tenho-vos ditos estas coisas para que o meu gozo esteja em vós, e o vosso gozo seja completo” (João, 15:10-11)

Imaginem o grau de contentamento do que está guardando os mandamentos de Jesus e permanecendo no Seu amor. A alegria de Jesus enche o coração e a alma dos que amam a Deus.

Agradecer mesmo antes de ser atendido é uma demonstração de fé na palavra. Assim fez Jesus antes de ressuscitar a Lázaro, agradeceu a Deus pela ressurreição que seria feita imediatamente.

Ter a fé de que Deus proverá o melhor e de pronto agradecer antecipadamente é demonstrar que a nossa vida está completamente entregue aos planos do Senhor, os quais são sempre bons, porque Ele é amor.

Por isso, agradeço sempre a Deus pela minha vida, de minha esposa, de meus filhos e familiares. Agradeço, também por tudo que me tem proporcionado e por Sua provisão, tendo a certeza que Ele sempre ouve.

O conteúdo deste blog é livre e seus editores não têm ressalvas na reprodução do conteúdo em outros canais, desde que dados os devidos créditos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

mais / Postagens