Fechar
Buscar no Site

O homem precisa ir à Cruz

 

 

O HOMEM PRECISA IR À CRUZ

Não interessa o estado atual do homem, o que ele fez ou o que deixou de fazer. Não importa a vida que o homem levou ou está levando atualmente. Nada disso tem importância para Jesus Cristo, no momento em que o homem decide e crava na cruz o seu pecado. O que passou, passou, e Deus joga toda imundície no mar do esquecimento. “E jamais me lembrarei dos seus pecados e das suas iniqüidades” (Hebreus 10:17). E o melhor, acontece nesse momento uma grande festa nos céus.

Parece loucura o que está sendo dito aqui, mas essa é a mais pura verdade porque está escrito nas Escrituras Sagradas e a Palavra de Deus é a Verdade. “Ora, o  homem natural não compreende as coisas do Espírito de Deus, porque lhe parecem loucura; e não pode entende-las, porque elas se discernem espiritualmente”.   (1 Corintios 2:14)

Tem festa nos céus quando o homem se arrepende.

“Digo-vos que assim haverá maior júbilo no céu por um pecador que se arrepende,  do que por noventa e nove justos que não necessitam de arrependimento”.(Lucs 15:7).

Nos 99 justos , vê-se uma clara ironia: aqueles que se consideram justos e acham que não precisam se arrepender.

Todos, brancos, negros, amarelos, pardos, pobres, ricos, juízes, reis, governantes, todos foram destituídos da glória de Deus (Romanos 3:23) e precisam se arrepender e cravar na cruz o seu pecado.

Nada do que foi feito antes importa, o que importa é nascer pela segunda vez. (João 3:7).

Sendo assim, aproximemo-nos de Deus com um coração sincero e com plena convicção de fé, tendo os corações aspergidos para nos purificar de uma consciência culpada e tendo os nossos corpos lavados com água pura.

Apeguemo-nos com firmeza à esperança que professamos, pois aquele que prometeu é fiel. (Hebreus 10: 22-23).

O conteúdo deste blog é livre e seus editores não têm ressalvas na reprodução do conteúdo em outros canais, desde que dados os devidos créditos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

mais / Postagens