Fechar
Buscar no Site

QUANDO CRESCE O JOIO

“Outra parábola lhes propôs, dizendo: O reino dos céus é semelhante a um homem que semeou boa semente no seu campo; mas, enquanto os homens dormiam, veio o inimigo dele, semeou o joio no meio do trigo e retirou-se.” (Mateus, 13:24-25)

Essa parábola ministrada por Jesus é bastante rica em ensinamentos. O próprio Mestre a explicou para nós:

“E ele respondeu: O que semeia a boa semente é o Filho do Homem; o campo é o mundo; a boa semente são os filhos do reino; o joio são os filhos do maligno; o inimigo que o semeou é o diabo; a ceifa é a consumação do século, e os ceifeiros são os anjos.” (Mateus, 13:37-39)

Segundo Jesus, quem semeia o joio é o diabo. Mas, para o inimigo semear, ele precisa do descuido dos responsáveis pelo trigo. Ao propor a parábola, Jesus diz que o joio foi semeado enquanto os homens dormiam.
O dormir significa falta de vigilância. Enquanto dormimos estamos sem vigiar. Portanto, o joio foi semeado enquanto não havia vigilância. Assim age o inimigo no povo de Deus.

Jesus planta a boa semente da palavra, mas, se não estamos vigilantes, vem o inimigo e planta a semente do mal e, se não tivermos cuidado, o joio vai sufocar o trigo, e este sucumbirá.

O Apóstolo Pedro nos adverte a respeito da vigilância diante das ciladas do maligno:

“Sede sóbrios e vigilantes. O diabo, vosso adversário, anda em derredor, como leão que ruge procurando alguém para devorar;” (1Pedro, 5:8)

Não podemos baixar a guarda, sempre devemos estar vigilantes. Jesus Cristo deve reinar absoluto nas nossas vidas.

Por Roberto Veloso
Igreja Batista do Olho D´Água (São Luís-MA)

O conteúdo deste blog é livre e seus editores não têm ressalvas na reprodução do conteúdo em outros canais, desde que dados os devidos créditos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

mais / Postagens