Fechar
Buscar no Site

Vídeo: Ao receberem R$ 3 milhões por mês da prefeitura e mais R$ 9 mi que serão repassados, não há motivos para empresas de transporte de São Luís parcelarem 13º salário

Foto: Reprodução

Motoristas, cobradores e fiscais de ônibus da Grande Ilha de São Luís decidiram na sede Sindicato dos Trabalhadores em Transporte Rodoviário do Estado do Maranhão (STTREMA), deflagrar greve geral nas próximas 72 horas. O anúncio da paralisação é uma reação da categoria à proposta das empresas de pagar o 13º salário deste ano em oito parcelas.

Em entrevista ao blog do John Cutrim, o vereador Marlon Botão(PSB) disse que não há motivo para o parcelamento do décimo terceiro por parte das empresas de transporte de passageiros de São Luís. De acordo com o parlamentar, a prefeitura paga R$ 3 milhões de subsídio às empresas de transporte e mais R$ 9 milhões que serão repassados, parcialmente, ainda neste mês.

Veja no vídeo acima a entrevista do vereador.

O conteúdo deste blog é livre e seus editores não têm ressalvas na reprodução do conteúdo em outros canais, desde que dados os devidos créditos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

mais / Postagens