Fechar
Buscar no Site

Vice-prefeito participa das comemorações pelo 148 anos da Batalha do Riachuelo

A Capitania dos Portos do Maranhão comemora os 148 anos da Batalha Naval do Riachuelo, data de maior expressão para a Marinha do Brasil. O vice-prefeito de São Luís, Roberto Rocha foi convidado para a cerimônia que ocorreu hoje que foi marcada ainda pela imposição da Medalha Mérito Militar e divisas a militares promovidos em razão de bons serviços prestados à Marinha.

A Batalha Naval do Riachuelo, um dos mais importantes fatos da História do Brasil que foi o triunfo da Esquadra Brasileira na campanha da Tríplice Aliança, início da retomada da soberania brasileira sobre terras do país, invadidos em 1864 pelo Paraguai. Esse feito completa 148 anos.

A Capitania dos Portos do Maranhão realizou cerimônia para comemorar a data. Para o evento foi convidado o vice-prefeito da capital maranhense, Roberto Rocha, que garantiu se tratar de um importante marco do Brasil que deve ser lembrado e comemorado.

“Essa data é a mais importante para a Marinha do Brasil e todos os anos aproveitamos para ratificar o que foi dito há quase um século e meio de que o Brasil espera que cada um cumpra seu dever”, afirmou Roberto Rocha.

O capitão de Mar e Guerra e capitão dos Portos do Maranhão, Jair dos Santos, explicou que a data é uma comemoração aos feitos do almirante Francisco Manoel Barroso da Silva durante a Batalha Naval do Riachuelo.

“Essa batalha foi o divisor de águas para a Tríplice Aliança, formada por Brasil, Argentina e Uruguai, no momento em que nosso país estava em Guerra com o Paraguai”, disse.

Durante a solenidade foi lida mensagem do Comandante da Marinha do Brasil, almirante Jonas Soares de Mora Neto, e também da presidente da República Dilma Rousseff destacando a importância da batalha e seu significado e ainda os novos investimentos que estão aparelhando a Marinha do Brasil.

Histórico – Na manhã de 11 de junho de 1865, sob o comando do Almirante Francisco Manoel Barroso da Silva, notáveis brasileiros enfrentaram a ameaça estrangeira e reverteram a situação de desvantagem em que se encontravam, combatendo nas águas do Rio Paraná.

Em memória à decisiva atuação do Almirante Barroso, aos atos de heroísmo de marinheiros que perderam suas vidas durante a batalha e à conquista do sucesso determinante na vitória final da Tríplice Aliança, formada por Brasil, Argentina e Uruguai, a Marinha do Brasil comemora, anualmente, o aniversário da Batalha Naval do Riachuelo, que foi instituída como a Data Magna da Marinha.

O conteúdo deste blog é livre e seus editores não têm ressalvas na reprodução do conteúdo em outros canais, desde que dados os devidos créditos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

mais / Postagens