Fechar
Buscar no Site

UBES protesta contra mudança de nome de escola no Maranhão

Governo do estado trocou o nome de Paulo Freire pelo de Roseana Sarney

A UBES – União Brasileira dos Estudantes Secundaristas – divulgou na tarde desta terça, 8, uma nota protestando contra a medida da Secretaria de Educação do Maranhão, que rebatizou o Centro de Ensino Paulo Freire com o nome da governadora Roseana Sarney Murad. “É uma atitude fascista”, bradou a diretora de Políticas institucionais – UBES Maranhão, Juliane Verceli.
Abaixo a íntegra da nota:

União Brasileira dos Estudantes Secundaristas – UBES
Nota de Repúdio

A União dos Estudantes Secundaristas – UBES – , através de sua Diretoria de Políticas Institucionais, manifesta seu repúdio à atitude fascista do governo do Maranhão de mudar o nome do Centro de Ensino Paulo Freire para Centro de Ensino Roseana Sarney Murad.
Além de um repugnante culto à personalidade a medida afronta a memória de uma dos maiores educadores do Brasil e do mundo, professor Paulo Freire. A UBES faz um veemente desagravo ao educador Paulo Freire e a todos que com ele construíram as bases de uma educação libertadora. A atitude do governo Roseana Sarney Murad agride Paulo Freire e por extensão a todos e todas que compartilham de suas idéias.

O Maranhão apresenta um dos piores índices educacionais do Brasil, 61% das pessoas, com 10 anos de idade ou mais, não chegaram a completar a educação básica; tem a maior taxa de analfabetismo da nação, e segundo as ultimas avaliações do Enem, apresenta o maior número de escolas entre as mais mal avaliadas, com as piores notas, sem falar da situação de sucateamento das escolas, e das consecutivas greves.

O sobrenome Sarney já está em 161 escolas, fora a imensidade de endereços, hospitais, edifícios, e tribunais “enobrecidos” pelo mesmo, em São Luís, e em várias cidades do Maranhão.

Aproveitamos também para denunciar a falta de democracia nas escolas, a falta de liberdade de expressão dos estudantes para a sua livre organização, e direito a voz para denunciar e fazer qualquer tipo de reivindicação.

Juliane Verceli
Diretora de políticas institucionais – UBES Maranhão

O conteúdo deste blog é livre e seus editores não têm ressalvas na reprodução do conteúdo em outros canais, desde que dados os devidos créditos.

4 respostas para “UBES protesta contra mudança de nome de escola no Maranhão”

  1. Pedro Camara disse:

    John,
    No governo Jackson Lago,O Centro de ensino médio ao lado da UEMA,no bairro Cidade Operária;recebeu o nome de ¨CEM29 de OUTUBRO¨;quando aplicaram o tapetão e Roseana assumiu,mudaram o nome para Paulo VI.Porquê?

  2. TERGIVERSATIVO,TERMO CORRETO E APROPIADO PARA OS DESPROVIDOS DE CULTURA,TALVEZ ROSEANA NUNCA TENHA OUVIDO FALAR EM PAULO FREIRE,SÓ ASSIM ALGUÉM ACEITARIA ESTA ABERRAÇÃO.

  3. José do Rêgo disse:

    Claro, mudar um nome para eles não faz diferença. Tem que ser marca registrada e PAULO FREIRA não é. ROSEANA SARNEY é marca registrada. A indignação e o protesto de voces é completamente legal. Nãop se pode dar nome de pessoas vivas a Colégios, ruas, avenidas ect.

  4. lisa disse:

    Cultura para ela é apenas Boi em especial o Barrica, claro, é uma Empresa de propriedade da família, que sempre é beneficiado pelo Gov. do Estado………..pois bumba meu boi é folclore, e claro, junto com outros segmentos compõe a Cultura do Estado. É provável que depois da bomba da mudança do nome da Escola de Paulo Freire para seu próprio nome aguçando ainda mais sua vaidade( coisa de que sempre ela precisa muito), ela agora até saiba quem é PAULO FREIRE………….Continuem com essa luta, pois o Maranhão não pertence apenas a 1 FAMILIA!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

mais / Postagens