Fechar
Buscar no Site

Roseana aplicou 78% da publicidade legal em jornal da própria família

Balcão de negócios: Roseana pagava o EMA como governadora e recebia  do outro lado como sócia do jornal.

Blog Marrapá – Dados obtidos com exclusividade pelo blog Marrapá revelam que, entre os meses de fevereiro e dezembro de 2014, a ex-governadora Roseana Sarney investiu R$ 1.468.340,00 no jornal O Estado do Maranhão, de propriedade de sua família.

O repasse corresponde a 78% do valor pago pela publicidade legal, destinado pela ex-secretária de Comunicação, Carla Georgina, a veículos impressos locais e nacionais.

Para efeitos de comparação, o jornal O Imparcial, considerado o segundo maior em tiragem do estado, recebeu, no mesmo período, o equivalente a R$ 20 mil/mês.

O combativo Jornal Pequeno, conhecido pela linha editorial de oposição ao grupo Sarney, recebeu apenas R$ 62 mil para a divulgação de anúncios, aviso de licitação etc.

Os pagamentos a veículos de maior repercussão, que atingem um público qualificado, como o Valor Econômico e a Folha de São Paulo, nem de longe se comparam às vultuosas verbas destinadas ao folheto político da família Sarney. Os jornais de abrangência nacional receberam pouco mais de R$ 84 mil no ano passado.

Hegemonia financeira: Tabela com os repasses da Secom de Roseana Sarney a veículos impressos, referentes a 2014, mostra o privilégio do jornal O Estado do Maranhão em relação aos demais jornais.

Hegemonia financeira: Tabela com os repasses da Secom de Roseana Sarney a veículos impressos, referentes a 2014, mostra o privilégio do O Estado do Maranhão em relação aos demais jornais

Em pouco mais de dois meses de torneiras fechadas, o jornal financiado quase que exclusivamente com recursos públicos começa a dar sinais de que não resistirá por muito tempo longe das tetas do governo.

No atabalhoado editorial publicado nesta terça-feira (24), O Estado do Maranhão tenta se afirmar como único veículo do estado com relevância e credibilidade, baseado em uma pesquisa antiga e descontextualizada do Governo Federal, e critica proposta do governo Flávio Dino de democratizar a informação, investindo em mídias alternativas, jornais regionais, rádios comunitárias e blogs.

Com o pires na mão, o empresário Fernando Sarney atua em outra frente, enviando emissários ao Palácio dos Leões, a fim de evitar a bancarrota do pasquim sarneyzista, que resistiu a décadas de mau jornalismo graças ao patrocínio à custa do contribuinte maranhense.

O conteúdo deste blog é livre e seus editores não têm ressalvas na reprodução do conteúdo em outros canais, desde que dados os devidos créditos.

6 respostas para “Roseana aplicou 78% da publicidade legal em jornal da própria família”

  1. Eddie Silva disse:

    E ainda tem quem se deixa levar por esse canal de “informação”, imbricado a seus próprios interesses nada republicanos e éticos. Mas sim, escusos, vis e maledicentes! Sim, porque no final das contas, é o leitor/cidadão/eleitor (que acredita pelos motivos que sejam) que paga o pato por tamanho engodo, cara de pau e desfaçatez “jornalística”. Manipulam e distorcem as informações a seu bel prazer e de acordo com as suas finalidades. Veja a TV Mentira, digo, Mirante! Dá nojo! Há momentos em que a paciência se esvai, meu irmão…! Algumas coisas no Maranhão são tão aberrantes que mesmo procurando me alimentar de senso crítico, caio na ingenuidade e me pergunto: será se essas aberrações também acontecem em outro lugar, nessas mesmas proporções, nesse nosso Brasil? Kkk… Creio que sim. Porém, fica-me a sensação de que a impunidade, QUASE CERTA no Brasil, era TOTALMENTE CERTA no Maranhão da oligarquia Sarney! Nas cinco décadas de “bagaceira” com o Nosso Maranhão. Cinco décadas de cinza! Kkk (Rir pra não chorar!).

  2. roberto ferraz disse:

    A GRANDE DIVULGAÇÃO DE UM GOVERNO É O TRABALHO,OBRAS REALIZADAS PROMESSAS DE CAMPANHA.
    QUANDO O GOVERNO COMEÇA A FAZER SÓ PROPAGANDA É PARA MASCARÁ O QUE NÃO CUMPRIU, É O CASO DE EDVALDO HOLANDA JR.
    E O QUE É PIOR PROPAGANDAS NAS EMPRESAS DO CLÃ SARNEY
    VAI TRABALHAR CRENTE, DESAFOGA A PREFEITURA

  3. EMBROMATION disse:

    Estamos falando só da publicidade oficial, e as milhares de assinaturas impositivas, quase obrigatórias, do jornal, nas secretarias , estatais, repartições, e demais órgão ligados diretamente ao Governo. Um verdadeiro derrame de assinaturas, em São Luis e no interior ( prefeituras e câmaras). O Governador Flávio Dino, pode meter a caneta, mandando cancelar imediatamente esse disparate !

  4. antonio disse:

    Onde será que o atual Governo vai gastar maior parte do recurso destinado a divulgação? veremos no espaço curto de tempo, é só aguardar, não vai da outroS J.P E TV GUARA.

  5. […] Com o aprimoramento das fake news, nunca a realidade e a ficção estiveram tão próximas e por vezes andando juntas, motivo de preocupação do TSE nas eleições deste ano. Neste contexto é que, quando governadora, Roseana Sarney usou da máquina do Estado para benefício político próprio, ao ter aplicado 70% do gasto de publicidade em empresas da própria família. […]

  6. […] Quando governadora, Roseana Sarney usou da máquina do Estado para benefício político próprio, ao ter aplicado 70% do gasto de publicidade em empresas da própria família. […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

mais / Postagens