Fechar
Buscar no Site

“Protestos no Brasil são recados duros aos governantes”, avalia Othelino Neto

O deputado estadual Othelino Neto (MD) disse, na tribuna da Assembleia Legislativa, na manhã desta terça-feira (18), que os atos de protesto que explodiram nas capitais brasileiras são reflexos da insatisfação da sociedade com os governos do passado e do presente. Segundo o parlamentar, trata-se de um recado duro aos governantes em que a população mostra que nem o modelo do PSDB, nem o do PT resolveram os problemas do país.

Othelino

O deputado Othelino Neto disse que protestos são frutos da insatisfação com os governantes

Para Othelino, o governo do ex-presidente Fernando Henrique, mesmo reconhecendo alguns avanços que aconteceram principalmente no que diz respeito à estabilidade da economia e ao controle da inflação, deixou algumas marcas, também no aspecto social, muito ruins. Segundo o deputado, quanto ao governo do PT, leia-se Lula seguido agora pela presidente Dilma, é preciso reconhecer as políticas sociais mais avançadas, mas a população começa a perceber problemas financeiros no país; a inflação começa a dar sinais bem vivos de que já existe e, principalmente, as políticas sociais compensatórias exageradas do PT acabaram comprometendo a economia brasileira.

Othelino Neto disse ainda que a classe política maranhense precisa compreender esse recado que está vindo do Brasil, pois as manifestações já começam a acontecer no Maranhão, haja vista o movimento do Grito da Terra que começou, no início da manhã desta terça-feira (18), fechando a BR-135. “Isso mostra que a população está prestando atenção. Está acordada e começa a despertar e a voltar às ruas cobrando políticas públicas efetivas”, exemplificou o deputado.

Grito da população – Segundo o parlamentar, esse grito da população brasileira é contra diversas mazelas, contra a falta de políticas públicas nas áreas da saúde e da educação, contra o corporativismo médico que, às vezes, quer acobertar a falta de compromisso com as pessoas, contra a corrupção que, infelizmente, ainda assola este país e isso vale para o Maranhão.

Exemplos como essa tal Associação Vera Macieira, para onde o governo do Estado mandou R$ 5 milhões, são inadmissíveis. Uma entidade que ninguém sabe onde fica, cujas obras até agora ninguém conseguiu provar que aconteceram. “Então esses protestos são recados que a população está mandando, avisando que não vai mais tolerar esse tipo de coisa”, disse Othelino.

Segundo o deputado, a população vem demonstrando que não aguenta mais ficar 50 anos sob o domínio de um grupo que só empobrece o Maranhão. De acordo com Othelino, a sociedade está voltando às ruas com legitimidade para demonstrar que não aceita mais a situação do Brasil.

“Não é só uma briga para reduzir passagem. São insatisfações que começam agora a ganhar as ruas. Que isso sirva de reflexão para todos, porque nós, políticos, precisamos ouvir essas manifestações que tomam as ruas do Brasil sob pena de sermos responsabilizados pela população que clama por justiça”, finalizou o deputado.

O conteúdo deste blog é livre e seus editores não têm ressalvas na reprodução do conteúdo em outros canais, desde que dados os devidos créditos.

2 respostas para ““Protestos no Brasil são recados duros aos governantes”, avalia Othelino Neto”

  1. Denilton disse:

    Lindinho esse Deputado..

    Esquece que destes 50 anos ele ja participou e responde Processo por CORRUPÇÂO tambem.

  2. welson castro disse:

    O deputado, a população vem demonstrando que não aguenta mais ficar 50 anos sob o domínio de um grupo, mas também sob parlamentares que não demostra nada com a sociedade, visam só seus benefícios próprios.
    Esse lance de trocar o poder para outro é balela, porque os parlamentares que se dizem de esquerda não criam e nem fazem nada para ganhar credibilidade da sociedade.
    Eu acredito para mudar o maranhão, temos que ter políticos comprometidos, novos, pois os que atuam nesse momento estão contagiados com vírus dessa oligarquia que tem vários denominações, demagogos, corruptos, cheio de hipocrisia política.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

mais / Postagens