Fechar
Buscar no Site

Lisboa cobra providências em relação ao clima de insegurança em SL: “a pessoa sai de casa e não sabe como volta e se volta”

O vereador professor Lisboa (PCdoB) fez um alerta, durante pronunciamento realizado nesta terça-feira (4) na Câmara Municipal, para o clima de insegurança nos ônibus coletivos de São Luís. As ocorrências de assaltos nos coletivos tiveram um índice de aumento crescente nos últimos meses. “A Câmara Municipal precisa tomar uma posição em defesa do cidadão”, disse Lisboa.

Lisboa

O parlamentar comunista cobrou das autoridades competentes medidas no sentido de coibir esses tipos de assaltos.

“A pessoa sai de casa e não sabe como volta e se volta. Em breve vou apresentar um projeto para que policiais fardados e não fardados tenham gratuidade nos ônibus coletivos da nossa cidade. Entendo que essa é uma das maneiras de enfrentar essa situação”, anunciou Lisboa.

O comunista disse que a violência chegou a níveis alarmantes na capital, sendo necessárias intervenções mais energéticas por parte do sistema público de segurança.

“Infelizmente vivemos trancado em casa, não podemos mais sair temendo que alguma coisa nos aconteça. Vale o alerta também para que possamos agir rápido no sentido de impedir a importação de crimes, como no caso dos dentistas que foram queimados e do estupro ocorrido em um ônibus”, alertou Lisboa.

Durante o pronunciamento, o Prof. Lisboa criticou ainda a fragilidade das leis brasileiras. “A polícia prende o bandido e depois ele logo é solto”, concluiu.

O conteúdo deste blog é livre e seus editores não têm ressalvas na reprodução do conteúdo em outros canais, desde que dados os devidos créditos.

2 respostas para “Lisboa cobra providências em relação ao clima de insegurança em SL: “a pessoa sai de casa e não sabe como volta e se volta””

  1. Marco Antonio Carvalho Diniz disse:

    Fica pior ainda, vereador, quando se mora numa capital- talvez a única do Brasil , na qual não existe Guarda Municipal para auxiliar a Polícia Militar. Não quero dizer com isso que a culpa é do atual prefeito, mas, é muito estranho uma cidade com mais de 1 milhão de habitantes não ter um só guarda municipal, sequer, nas ruas-, lembrando que a nossa cidade faz parte do Patrimônio – sem defesa – Cultural da Humanidade.

    Edivaldo tem que se recompor (a cidade) imediatamente. Ou então ficará Ilhado pelos feitos de Roseana Sarney na Raposa, Paço do Lumiar e São José de Ribamar – percebi esso desde os resultados das eleições na “Grande São Luis”. Senão : ba bau, Flávio Dino em 2014.

    Marco Antonio Carvalho Diniz

  2. Marcos disse:

    Rapaz esses bandidos estão muito audaciosos, ontem por volta das 22:00 hs na calçada da Igreja Batista do Cohatrac a 50 metros do portão do PLANTÃO DO COHATRAC, precisamente ao lado do poste que fica em frente ao letreiro da Igreja dois bandidos assaltaram um rapaz usando arma de fogo, um abordava o jovem enquanto o outro aguardava em uma moto, algumas pessoas percebendo a ação dos marginais avisaram no plantão, mais ninguém saiu para ajudar o rapaz ficando só olhando os bandidos saírem em uma moto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

mais / Postagens