Fechar
Buscar no Site

Prefeitura de São Luís entrega máscaras de proteção contra a Covid-19 para famílias em vulnerabilidade social

A Prefeitura de São Luís, por meio da Secretaria Municipal da Criança e Assistência Social (Semcas), entregou, nesta quinta-feira (23), máscaras descartáveis para famílias em situação de vulnerabilidade social do bairro Coroadinho. A aquisição das máscaras foi viabilizada pelo Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef), com apoio da Fundação Josué Montello. O objetivo da ação é contribuir com a diminuição dos impactos da pandemia de Covid-19 na vida de crianças, adolescentes e suas famílias.

As máscaras são destinadas a famílias acompanhadas pela Prefeitura de São Luís, por meio dos Centros de Referência de Assistência Social (Cras) e Centros de Referência Especializados de Assistência Social (Creas). Ao todo, o Unicef, por intermédio da Fundação Josué Montello, doou 120 mil máscaras descartáveis para serem distribuídas a famílias em vulnerabilidade. O cronograma da Semcas prevê a entrega em todos os Cras e Creas do Município até o início de 2022. A próxima distribuição está marcada para o dia 1º de outubro, no Anil.

“Nós estamos iniciando um cronograma de entrega para todos os Cras e Creas de máscaras descartáveis para que a gente prossiga com as orientações e procedimentos de prevenção em relação ao coronavírus. Nós ainda estamos vivendo uma pandemia e não podemos nos descuidar. Assim, temos a preocupação de repassar esses produtos, a exemplo das máscaras, para a proteção das famílias”, afirmou a secretária da Semcas, Rosângela Bertoldo.Foto: A. Baeta

O especialista em Educação e Proteção à Criança do Unicef no Maranhão, Ângelo Damas, destacou que a ação vai auxiliar famílias nos cuidados contra a Covid. “A aquisição das máscaras foi feita pelo Unicef, em parceria com a Fundação Josué Montello, a Prefeitura de São Luís, e doadores e foi por meio da Semcas que foi possível essas máscaras chegarem às famílias em situação de vulnerabilidade”, declarou Ângelo Damas.

A superintendente da Fundação Josué Montello, Maria Ocirema, também esteve presente no evento e agradeceu o empenho das instituições em garantir que as máscaras chegassem ao devido destino. “A Fundação Josué Montello fica honrada de participar de eventos desta qualidade e está disponível para outras parcerias”, disse.

Nessa primeira entrega no Cras do Coroadinho, 50 famílias foram beneficiadas ao receber 95 pacotes, cada um contendo 50 unidades de máscaras. A dona de casa Aurileia Machado foi uma das contempladas. Mãe de seis filhos, ela conta que as máscaras vão ajudar muito a família financeiramente, já que não precisarão comprar tão cedo. “Ajuda muito, com certeza. Já é a segunda vez que venho no Cras e sou ajudada. Pra onde a gente vai, usamos máscara. Sempre temos esse cuidado, que é muito importante”, disse Aurileia.

O conteúdo deste blog é livre e seus editores não têm ressalvas na reprodução do conteúdo em outros canais, desde que dados os devidos créditos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

mais / Postagens