Fechar
Buscar no Site

Por Justiça

Vários jornalistas, radialistas, blogueiros, entre outros profissionais da imprensa maranhense estiveram reunidos, na manhã desta quinta-feira (26), no Comitê de Imprensa da Assembleia Legislativa do Maranhão, para traçar uma ação conjunta e não deixar que a execução do jornalista Décio Sá caia no esquecimento e na impunidade.

Na reunião foi aprovada uma agenda de visitas a vários órgãos oficiais do Estado e entidades representativas da sociedade no sentindo de apoiar a luta dos profissionais da imprensa, não somente contra a impunidade, mas também na proteção à vida de quem trabalha com a informação, principalmente no chamado jornalismo investigativo.

Para o jornalista Cunha Santos, presidente do Comitê de Imprensa da Assembleia Legislativa, a iniciativa de formar uma comissão dos profissionais de imprensa tem como objetivo cobrar uma resposta o mais rápido possível sobre a execução do jornalista Décio Sá, ocorrida na segunda-feira (23), e chamar a atenção para os riscos de outros assassinatos de jornalistas no Maranhão.

‘A iniciativa em criar uma comissão de jornalistas, radialistas e blogueiros foi a forma que encontramos para mostrar a nossa indignação contra a insegurança que toma conta da imprensa maranhense depois da execução do jornalista Décio Sá. Também exigimos a elucidação desse crime hediondo e punição exemplar para os assassinos e os mandantes’, sentenciou Cunha Santos.

Agenda – A comissão iniciará a agenda de visita já a partir desta sexta-feira (27), na Secretaria de Segurança, às 9h.

Em seguida a comissão cumprirá o seguinte cronograma:

Dia 02/05/2012, às 9h – Procuradoria Geral de Justiça.

Dia 03/05/2012, às 9h – Tribunal de Justiça.

Dia 07/05/2012, às 10h – Ordem dos Advogados do Brasil.

Todos os veículos de comunicação do estado estão convidados para o cumprimento dessa caminhada a favor da justiça e contra a impunidade. (Informe JP)

O conteúdo deste blog é livre e seus editores não têm ressalvas na reprodução do conteúdo em outros canais, desde que dados os devidos créditos.

9 respostas para “Por Justiça”

  1. Fábio Costa disse:

    Concordo. Iniciativa mais do que necessária. Era leitor assíduo do Blog de Décio Sá, fâ mesmo, de não passar um dia sequer sem olhar seus posts.
    Estou de luto como toda a sociedade maranhense pelo acontecido. Uma barbárie sem precedentes.
    Queria só fazer uma pequena crítica à Secretaria Estadual de Segurança. Um crime como esse e como tantos outros não devem ficar impunes e devem ser merecedores de toda atenção da polícia. Mas, que não seja realizada uma operação dessa natureza só quando acontece com uma pessoa conhecida, famosa, políticos, artistas, etc.
    Que todo esse empenho seja sempre, para todos, isso porque 90% da população não são conhecidos como o nosso querido e saudoso Décio Sá.
    Que Deus o tenha!

  2. Fábio Câmara disse:

    Sobre GORILAS e ABUTRES.

    Buana, buana, que COVARDIA!
    A atitude de BUANA PEDROSA, “representante dos direitos humanos” no nosso Estado, é absolutamente reprovável, vergonhosa e COVARDE.
    Os assassinos de Décio Sá foram covardes ao executarem-no sem que o mesmo tivesse qualquer chance de defesa. BUANA PEDROSA é igualmente COVARDE ao chamar o Décio de MACACO quando este não está mais entre nós, vivo e pronto para se defender. Como é próprio do grande CAÇADOR “BRANCO”, BUANA PEDROSA atira bem à distancia e fere COVARDEMENTE. É bem verdade que o blog de BUANA PEDROSA tem um acesso e postagens tão medíocres quanto o próprio. Porém, por que BUANA PEDROSA não se armou de coragem e franqueza, marcas registradas da pena de Décio Sá, e expressou a sua opinião preconceituosa no seu arremedo de blog quando Décio ainda vivo? Preconceituosa e RACISTA SIM. Ou a expressão
    ‘JORNALISMO MARROM’, utilizada por BUANA, não tem a mesma disfarsatez PRECONCEITUOSA E RACISTA dos que empregam o termo DENEGRIR – TORNAR NEGRO – para se referirem a quem deprecia moralmente a outrem? BUANA PEDROSA não é um RÁBULA QUALQUER! Ao esbanjar no latim, revela um ‘modus operandi’ próprio de quem sabe bem o que diz e de quem DISFARÇA muito bem o que realmente pretende dizer.
    “Não me surpreenderia se ao cabo das investigações se descobrissem motivos bem menos nobres para o assassinato”. BUANA PEDROSA – Ipsis Litteris. PRECONCEITUOSAMENTE, BUANA PEDROSA emite aí mais que um juízo de valor. BUANA atenta contra a racionalidade ao sugerir, o que só ele concebe, existirem ‘MOTIVOS MAIS E MENOS NOBRES’ para que um assassinato brutal seja cometido. PASMEM! Logo BUANA PEDROSA, destacado defensor, por dever de ofício, dos sagrados DIREITOS HUMANOS. Até por uma questão de justiça, a bem da verdade, é necessário que seja dito: Quando criminosos condenados se rebelam nas penitenciárias e cadeias do nosso Estado e das nossas cidades, seja em razão da super lotação ou do cardápio repetitivo e pouco agradável ao paladar, É BUANA PEDROSA QUEM LHES SAI EM PRONTO SOCORRO. Afinal, CRIMINOSOS CONDENADOS, apesar das desumanidades cometidas, também são seres humanos, em sua maioria analfabetos e não GORILAS DIPLOMADOS. “O crime de que foi vítima Décio é colonial. Representa apenas vindita infame”. BUANA PEDROSA – Ipsis Litteris. Você quer PRÉ – CONCEITO mais explícito que esse. O que faltou, nessa frase, para que BUANA afirme que Décio foi morto por uma BANALIDADE. O POST de BUANA que ele mesmo intitula de “Um Assassinato Contra A Democracia”, acaba sendo reduzido, nessa frase infeliz, a MERE REPRESENTAÇÃO DE UMA RELES VINGANCINHA COLONIAL. Mas, repare na profundidade das palavras e na riqueza de significados nelas contidos. A palavra “APENAS”, revela BUANA BANALIZANDO O FATO; A palavra “VINDITA”, segundo o Dicionário Aurélio, significa, também, “ACERTO LEGAL”. Eis aqui, BUANA dizendo, disfarçada e medrosamente, como lhe parece ser peculiar, que Décio fez por merecer e que teve, por pagamento, o acerto natural.
    Décio não está mais aqui para se defender de mais esse ataque covarde e cruel. Os 5 ou 6 tiros que o vitimaram parecem, aos olhos de BUANA PEDROSA, terem sido poucos. JORNALISTA MARROM e GORILA DIPLOMADO. Mais 2 tiros COVARDES desferidos contra um indefeso. Mas há quem saia em defesa do Décio Sá, da imprensa livre, da democracia, da justiça, da paz e da humanidade. Não se trata aqui de um processo de canonização do jornalista Décio Sá. NÃO! Trata-se mesmo é de clamar por justiça para que os crimes sejam silenciados. Trata-se de evocar a coragem para que a covardia seja suplantada. Trata-se de gritarmos a plenos pulmões que o mundo hodierno não tolera mais imbecilidades anacrônicas como a pistolagem e a velada ou explicita discriminação racial. Só os ABUTRES comemoram os cadáveres. E a pecha de GORILA DIPLOMADO, REQUER RETRATAÇÃO. Fábio Câmara

  3. Inácio Auguto de Almeida disse:

    John
    O que aconteceu com o tópico:
    RESPOSTA DE UM LEITOR À FILHA DO GASTÃO.
    Por que você o excluiu?
    Aí vai novamente o meu comentário que você transformou em tópico e depois deletou.
    ///

    “3- Além disso, paga seguro-saúde há mais de 10 (dez) anos, o que lhe permite escolher o hospital e médico com o qual pretende se consultar ou fazer exames.
    6- Por fim, gostaria de dizer que qualquer cidadão que paga seguro ou plano de saúde tem o direito de escolher o hospital que quiser, se assim o plano/seguro permitir.”
    Senhora Graziela.
    Li o que a senhora escreveu e louvo a sua atitude de sair em defesa do seu pai.
    Mas, só por curiosidade, a senhora poderia informar que seguro-saúde é este que o seu pai paga?
    E qual o valor que mensalmente ele paga para ter direito a pronto atendimento no Sírio e Libanês?
    Quanto a senhora afirmar que “qualquer cidadão que paga SEGURO OU PLANO DE SAÚDE tem o direito de ESCOLHER o hospital que quiser, se assim o plano de saúde permitir”, isto me causa espanto.
    NUNCA ANTES TINHA OUVIDO FALAR NA EXISTÊNCIA DE UM PLANO DE SAÚDE TÃO COMPLETO.
    Por favor, INFORME, já que a senhora cobra tanto que o titular do blog informe melhor antes de escrever, e INFORME melhor que plano é este.
    Imagino que este plano deve ter um nome.
    E INFORME qual o custo para o segurado desta plano de saúde.
    Até porque muitos maranhenses estão ansiosos para começar a pagar este seguro-saúde que dá direito a tratamento EM QUALQUER HOSPITAL DO BRASIL COM ATENDIMENTO IMEDIATO.
    Inclusive tratamento no Sírio e Libanês.
    O povo está esperando por estas informações.
    ////////////
    JORNALISMO NÃO SE FAZ COM MEDO!
    NÃO PODEMOS NOS DEIXAR INTIMIDAR!

  4. rd disse:

    MEU CARO JORNALISTA SEJA MAIS COMPLEXO, O POVO EM GERAL ESTÁ SÓ, VCS AINDA TEM QUEM BRIGUE POR VCS E O POVO? QUANTOS PAIS DE FAMÍLIA SOFRERAM A MESMA VIOLÊNCIA E NINGUÉM CHEGOU OFERECENDO 100 MIL PRA ENCONTRA O ASSASSINO E NEM TEM TODO ESSE EMPENHO PARA ELUCIDAR O CASO, VCS FAZEM JORNALISMO PRA POUCAS PESSOAS, PARA QUEM É DO INTERESSE DE VCS OU SEJA P/ QUEM PAGA MAIS. O DIA QUE VCS FIZEREM UM JORNALISMO IMPARCIAL, JORNALISMO ESSE QUE FAVOREÇA O POVO E NÃO OS PODEROSOS AÍ SIM VC PODE DIZER QUE ESTÁ SÓ COMO O POVO VIVE A SUA PRÓPRIA SORTE. PEÇO A DEUS PROTEÇÃO A TODOS INDEPENDENTE DE CLASSE SOCIAL, CRENÇA, RAÇA, SEXO, PROFISSÃO OU IDEOLOGIA POLITICA. DEUS, SOCORRO!

  5. rd disse:

    TODOS OS DIAS CORRO RISCO DE VIOLÊNCIA NAS RUAS, PRAÇAS, AVENIDAS, EM CASA, NA PRAIA E VCS ACHAM QUE ALGUÉM LIGA, QUE O GOVERNO, A POLICIA OU ALGUÉM TÁ PREOCUPADO COM ISSO, CLARO QUE NÃO SOU UM SIMPLES CIDADÃO SEM AMIGOS PODEROSOS E INFLUENTES NA GRANDE SOCIEDADE MARANHENSE (SOCIEDADE DE POUCOS). PRA NÃO SER INJUSTO DIZENDO QUE NÃO TEM NINGUÉM PREOCUPADO COMIGO, TEM MINHA MAEZINHA QUERIDA, MINHA ESPOSA E MEUS IRMÃOS MAS COITADOS ELES VIVEM A MESMA SINA QUE EU, QUALQUER MOMENTO SER UMA VÍTIMA DA VIOLÊNCIA. DEUS, SOCORRO!

  6. pericles disse:

    Inácio, se ele cortou esse comentario teu, foi porque é mais um comentario imbecil feito por um otário a respeito de maranhenses que opotam ( porque podem caboco velho) por fazerem tratamento de saúde em Sampa..

  7. JOSÉ DE RIBAMAR PRAZERES disse:

    ESSE CIDADÃO COMO ADVOGADO E MEMBRO DOS DIREITOS HUMANOS, SE TINHA ALGUM PROBLEMA COM O JORNALISTA DÉCIO, O MESMO DEVERIA SER MAIS EDUCADO E NÃO FERIR OS SENTIMENTOS DA VIÚVA, DA CRIANÇA QUE NASCERÁ NA ORFANDADE , DE SUA FILHA DE OITO ANOS, DE SEUS IRMÃOS, PARENTES, AMIGOS E DE TODA A SOCIEDADE MARANHENSE QUE NÃO MERECEM TAIS AGRESSÕES DESSE SENHOR QUE DEVERIA ESTAR LUTANDO REALMENTE PELA DIGNIDADE E RESPEITO DO SER HUMANO. MAS O QUE SE VER É A INSENSATEZ DE UM HOMEM QUE AGRIDE A SI MESMO COM PALAVRAS QUE SÃO ASSOCIADAS À SUA PESSOA. PARA FINALIZAR, A SUA TRUCULÊNCIA E A PRÁTICA DO RACISMO POR ELE FOI CONFIRMADO HOJE A NOITE NA SEGUNDA EDIÇÃO DO JORNAL DA TV MIRANTE AO TENTAR SE RETRATAR, COISA QUE NÃO FEZ, MAS CONFIRMOU A PESSOA INSENSÍVEL QUE É, SÓ LAMENTO DIZER QUE, ESTAMOS POBRE DE REPRESENTANTES NA ÁREA DE DIREITOS HUMANOS. SE É QUE EXISTE!!!!!!!!!!!!

  8. Inácio Auguto de Almeida disse:

    Mataram um jornalista.
    Você disse: EU NÃO JORNALISTA.
    Mataram um policial.
    Você disse: EU NÃO SOU POLICIAL.
    Mataram um promotor.
    Você disse: EU NÃO SOU PROMOTOR.
    Mataram um deputado.
    Você disse: EU NÃO SOU DEPUTADO.
    Mataram um governador.
    O ENTERRO FOI LINDO!

  9. Inácio Augusto de Almeida disse:

    Péricles
    Claro que sou um otário.
    Um otário que através dos impostos que paga banca todas estes privilégios.
    Mas voltado ao caso do John.
    Ele achou que o comentário merecia ser transformado em tópico. Transformou, depois, inexplicavelmente, retirou, mas deixou publicado como comentário.
    Quanto a Senhora Graziela, filha do Ministro Gstão, até hoje não disse que tipo de plano de saúde seu pai tem e quanto por ele paga.
    E NUNCA vai dizer.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

mais / Postagens