Fechar
Buscar no Site

Os Sarney eram os mais desassossegados

Na reunião da cúpula do PMDB, segunda-feira, no Palácio Jaburu, com o vice-presidente Michel Temer, logo após o pronunciamento da presidente Dilma Rousseff, o senador José Sarney e a governadora Roseana Sarney eram os mais desassossegados. A filha, ácida; o pai, pessimista, achando que a crise pode fugir ao controle.

A revelação foi feita pelo jornalista Josias de Souza, da Folha de S. Paulo, ao informar que o comando peemedebista recebeu mal a tática de Dilma, concluindo que as providências adotadas pela presidente não devem estancar a crise. Um convidado do vice-presidente recordou que a combinação de ruas cheias com economia desarranjada é prenúncio de desastre.

Afora o constrangimento de Temer, autor de artigo no qual tachou a ideia de “inaceitável”, recordou-se que uma Constituinte injetaria instabilidade num cenário que já não é estável. Prevalecendo a ideia, até o estatuto da reeleição estaria sob risco, disse uma dos visitantes do Jaburu. Ou seja, Dilma não se deu conta de que pode virar vítima de si mesma. (Informe)

O conteúdo deste blog é livre e seus editores não têm ressalvas na reprodução do conteúdo em outros canais, desde que dados os devidos créditos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

mais / Postagens