Fechar
Buscar no Site

Os desempenhos de Lula e Bolsonaro no MA comparando-se eleições anteriores

Na maior parte dos estados, tanto Luiz Inácio Lula da Silva (PT) quanto Jair Bolsonaro (PL) tiveram votações piores neste domingo do que em pleitos anteriores, mostra levantamento do Pulso com base em dados do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

O petista teve um percentual de votos menor em 18 estados na comparação com 2006, quando disputou a reeleição ao Planalto contra Geraldo Alckmin (PSDB). Já em relação a 2002, ano em que enfrentou o tucano José Serra (PSDB) nas urnas, a piora se deu em 14 unidades da federação.

Embora tenha perdido força na maior parte das unidades da federação, Lula conseguiu melhorar seu desempenho em nove estados na comparação com 2006 e 13 se considerar apenas o pleito de 2002.

Bolsonaro também soma mais perdas do que ganhos este ano. O atual presidente da República teve desempenho pior em 15 estados na comparação com 2018, quando terminou à frente do então candidato do PT Fernando Haddad no primeiro turno. Diferente de Lula, no entanto, as variações são mais sutis e não chegam a dez pontos percentuais.

O fato de Lula e Bolsonaro terem tido desempenhos piores na maior parte dos estados pode estar ligado à alta rejeição dos dois candidatos, que vão se enfrentar no próximo dia 30. Segundo pesquisa Ipec divulgada no sábado, 46% do eleitorado diz não votar em Bolsonaro de jeito nenhum. E outros 38% rejeitam Lula.

Maranhão

O conteúdo deste blog é livre e seus editores não têm ressalvas na reprodução do conteúdo em outros canais, desde que dados os devidos créditos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

mais / Postagens