Fechar
Buscar no Site

O MA mais uma vez é vergonha nacional: São Vicente Ferrer sofre com menor PIB per capita do país

Cidade tem pouco mais de 20 mil habitantes, nenhuma indústria e 170 lojas. De cada dez moradores, sete vivem na área rural.

Deu no Jornal Nacional

O IBGE divulgou alguns dados que mostram a relação entre as riquezas produzidas pelo Brasil e como ela é distribuída entre os municípios. É a participação municipal no Produto Interno Bruto do ano de 2009.

O Instituto mostrou o ranking das cidades de acordo com o PIB per capita, que é a soma de tudo que é produzido pela economia do local dividida pelo número de habitantes. O município que obteve o menor índice fica no Maranhão.

São Vicente Ferrer, a 280 quilômetros de São Luís, tem pouco mais de 20 mil habitantes, nenhuma indústria e 170 lojas, a base da economia na área urbana do município.

De cada dez moradores de São Vicente Ferrer, sete vivem na área rural. Boa parte depende da agricultura de subsistência, ou seja, planta basicamente para comer. E quando as coisas vão mal na lavoura, toda a cidade sofre as consequências.

O plantio de mandioca é a principal atividade na roça. “Quando a colheita não é boa, a gente tem dificuldade mesmo e a gente chega ao ponto de passar fome”, conta o lavrador Carlos Martins.

Dois anos atrás, muita gente passou por isso. “Chegou a enchente, alagou e matou a colheita”, lembra um morador.

“A gente vive disso, a gente tem os animaizinhos para dar ração, a gente planta para comer e sobreviver. Falhou, a gente tem prejuízo”, diz outro morador.

Os problemas no campo estão entre os motivos apontados pelo IBGE para que o município maranhense tivesse o pior PIB per capita do país: menos de R$ 2 mil. O reflexo disso está espalhado pela cidade.

Em uma escola, os alunos já se acostumaram com a despensa vazia. “Não tem merenda. O jeito é ficar com fome”, conta um menino.

O transporte escolar é precário, em um ônibus a equipe de reportagem encontrou até um botijão de gás usado para escorar uma das portas.

“Não funciona pisca-pisca, velocímetro, buzina. É muito perigoso. Transporto entre 60 e 70 crianças”, diz o motorista.

No único hospital da região: “O médico deu uma saidinha. Ele mora aqui pertinho”, argumenta a atendente.

Enquanto a equipe esteve na cidade, a companhia energética cortou a energia da Secretaria de Saúde, onde funciona também o gabinete do prefeito João Batista Freitas: “Aqui não tem empresas. Aqui não tem fazendas. O cara ou tem um emprego na prefeitura, ou Bolsa Família ou aposentadoria e a agricultura é essa coisa toda aí”.

O conteúdo deste blog é livre e seus editores não têm ressalvas na reprodução do conteúdo em outros canais, desde que dados os devidos créditos.

9 respostas para “O MA mais uma vez é vergonha nacional: São Vicente Ferrer sofre com menor PIB per capita do país”

  1. pericles disse:

    São Vicente, São joão Batista, Cajapió, terras de misérias.,
    esses três municípios sempre foram quintais dos Tavares ( o cornão e o sobrinho, dizem que corninho) e Dominicis, duas familias de bandoleiros.

  2. Bekmam disse:

    Já estive neste municipio e é triste a situação daquele povo!

  3. Inácio Augusto de Almeida disse:

    Atentem bem para o que dise esta criança:
    ///
    Em uma escola, os alunos já se acostumaram com a despensa vazia. “Não tem merenda. O jeito é ficar com fome”, conta um menino.
    ///
    ISTO É O ROUBO DE MERENDA ESCOLAR!
    Cadê o Ministério Públivo? Será que esrá esperando que apareça alguém para denunciar? Será que se aparecer alguém para denunciar vai pedir duas duas testemunhas? Será que vai gritar com o denunciante alegando que ele está falando alto? Será que vai dizer que está sendo desacatado? Será que não vai fazer nada?
    O roubo da merenda escolar acontece em praticamente todas as pequenas cidades brasileiras. Já existe até a figura do GANHADOR DE LICITAÇÃO DE MERENDA ESCOLAR. É o cumplice do prefeito na ladroagem. Ele sempre ganha todas as licitações. Não faz outra coisa na vida. E quando alguém lhe pergunta de que vive diz: SOU GANHADOR DE LICITAÇÃO DE MERENDA ESCOLAR. E ri, ri o riso de deboche que todo ladrão dá de suas vítimas. Quem quiser conhecer um destes malandros basta dar um pulinho aqui em Granja-CE.
    Não pensem que estes prefeitos se contentam em roubar parte do dinheiro da merenda ecolar. Eles roubam TODO o dinheiro. Simplesmente os estudantes ficam sem merenda escolar. Conselho Tutelar? Isto só existe no papel. Só serve para empregar amantes e apaniguados dos prefeitos. As eleições são de uma fajutice a toda prova. Só se candidata quem o prefeito quer. Mais ainda, só vota quem os prefeitos querem. Antes eles fazem um tal de cadastramento. Isto é uma vergonha. Já comuniquei isto para a Dep. Elizina Gama através de e-mail e nem um pronunciamento sobre este assunto ela fez. Talvez porque isto desgoste algum prefeito da sua base de apoio.
    Como acabar com a falta de merenda escolar? Como acabar com este roubo?
    Basta que os promotores visitem os colégios no horário da merenda escolar. Não precisa ser todos os dias. De forma aleatória, visita um colégio por semana. Visita rápida, de 5 minutos. É só chegar e ir ao local onde a merenda escolar deveria estar sendo preparada ou servida. Mas isto não acontece. Não acontece porque tem promotor que diz que sua função não é investigativa. Esquece este mesmo promotor que a sua função é defender a sociedade. E se combater o roubo de alimentos que mitigariam a fome de crianças pobres e desnutridas não for defender a sociedade, eu não sei mais o que é defender a sociedade.
    Esta bandalheira do roubo da merenda escolar só acontece por omissão do Ministério Público.

  4. Inácio Augusto de Almeida disse:

    RECEITA PARA ACABAR COM LARANJA
    A evolução patrimonial desta gente é escandalosa.
    Mas a Receita Federal não consegue pegar estes GUABIRUS.
    Não consegue porque eles transferem para parentes próximos e pessoas de confiança os bens adquiridos através do roubo. E como estes laranjas sequer fazem declaração de imposto de renda, a coisa se perde. E tudo orientado por estes contadores de prefeitura, que por sinal, também enriquecem rapidamente. É preciso investigar, também, estes auxiliares de ladrões.
    E todos estes corruptos tem em suas casas cofres. Onde guardam muito dinheiro e jóias.
    É preciso que a Receita Federal adote um mecanismo para detectar laranjas.
    E isto é fácil. Basta disponibilizar um telefone, tipo 0800, para que as pessoas, sem se identificarem possam ligar de qualquer orelhão e denunciar o laranja. Nesta mesma ligação será informada a relação dos bens que estão no nome do laranja.
    A Receita Federal só não faz isto se não quiser.
    Recebida a denúncia, apurar imediatamente.
    Se isto acontecer vai ser dificil encontrar quem queira ser laranja,

  5. laudecir disse:

    Vergonha são vocês que se dizem jornalista, que quando recebem uma notícia dessas, de cara já jogam a cidade mais la em baixo (“O MA mais uma vez é vergonha nacional”), em vez de cobrar apoio para a cidade por parte dos governantes majoritários (esses mesmos que vocês jornalista ficam puxando o saco ai na capital). Quando a população de uma cidade fica dependente de políticos corruptos e de pessoas como vocês, é nisso que dá. A cidade ta nessa situação não é por falta de vontade e disposição de sua população, mas sim por abandono dos governantes que tem o poder de melhorar tal situação, e por de muita pessoa como vocês (jornalistas) que em vez de mostrar uma solução, só querem denegrir cidades assim, só porque acham que tem um “empreguinho” na capital são melhores que o povo dessa cidade.

  6. Julio Antonio disse:

    Amigos de SAO VICENTE FERRER, essa gang q acabou com o municipio estão de mudança para BACURI onde eles comparam varios imoveis, e a contadora da PREF. DE SAO VICENTE é candidata a prefeita, acabaram com SAO VICENTE e irão detona com BACURI cuidado Bacurienses.

  7. Movimento Democrata Livre de São Luis, e Movimentos Sociais disse:

    é elementar meu caro john. a grande maioria desses nossos prefeitos da baixada e litoral ocidental maranhense não sabem nem o que é PIB. na verdade os novos prefeitos geralmente medicos reconhecem o sinificado apenas do comprometimento financeiro do municipio gerado pelo endividamento publico resultante do somatorio de autorizações da camara para contratar novos emprestimos em nome da municipalidade. divida essa mensalmente paga apenas o valor correspondente aos juros, deduzida do FMP. daí porque nenhum interesse há dos novos prefeitos em discutir tal endividamento, melhor segundo eles tocar o “barco” deixando a margem da administração municipal mais pobre e mais miseráveis que dessa forma são domesicados pelo assistencialismo a cada dois anos durante as eleições. só para que v tenha uma ideia, o endividamento publico de sao vicente ferrer compromete algo em torno de 75% do fpm. e o que sobra desses recursos transferidos pela união federal, só dá para enriquecer ainda mais prefeitos e vereadores subservientes. pior é que algo identico ocorre com o palacio dos leões. e a grande maioria dos pilantras deputados, hó… hó….. hó….. hó…. hó …..

  8. Marco Antonio Carvalho Diniz disse:

    Caro John, foi muito engraçado ainda há pouco, aqui em Santa Inês (onde estou realizando um trabalho). Soube desde cedo que Roseana Sarney iria inaugurar uma unidade do Shopping Cidadão, isso às 10h30min. Só que por ali estive conversando com várias pessoas. Ai deparei com o blogueiro (especialista em política) mais famoso da Cidade: AGUIAR. Esse me contou que não estava programado para a governadora inaugurar “a central de serviços”. Segundo Aguiar, foi adicionada na agenda da governadora (escrito à caneta) a visita a Santa Inês, para desfazer um ZUM-ZUM-ZUM que corria na cidade dizendo que Roseana estava brigada com o prefeito Bringel. E bote demora… Foi chegando “gente”: Antonio Bacelar, Chico Gomes, André Fufuca e outros “carrapatos”. Já por volta das 13h00min, debaixo de um sol escaldante chegou a friorenta Roseana Sarney; essa burocraticamente, chegou rapidamente e entrou despercebidamente no prédio a ser inaugurado. Lá se sucederam as falações. E, a mais surpreendente foi a de Luis Fernando Silva, que contabilizou 23 de unidades inauguradas em 13 anos de “governo Roseana”. Eu até comentei com “o Aguiar” que àquela inauguração era muito boa para a cidade, porém, só confirmava o retardamento (atraso) em que está imerso o Maranhão. Pois uma cidade do porte de Santa Inês, receber esse serviço somente agora, só confirma a morosidade dos governos da “mulher”. Até ai: tudo normal…

    Encerrada a solenidade, lá vem Roseana rodeada de “pessoas”. Eu, estrategicamente, recostado em uma árvore empunhando o “O Jornal Pequeno” fiquei esperando o “planejado”… Roseana entrou no carro pela lateral que eu me postava. “Lá vem o trem”! Ai botei o Jornal de frente, mostrando a reportagem de São Vicente de Férrer. A governadora parecia disposta a não acenar para mais ninguém, porém ao passar por mim, o seu “olho clínico” convergiu para o jornal, na medida em que seu olho foi arregalando, acho que passou até a fome (dela); encarou-me e acenou, e eu educadamente (sorrindo por dentro) devolvi o gesto do resto.

    Marco Antonio Carvalho Diniz

  9. carlos disse:

    vai ver é por isso que joão alberto,diz que é de bacabal,quando nós sabemos que ele nasceu em são vicente de ferrer; nunca fez nada pra mudar esse quadro. cadeia pra cabo freitas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

mais / Postagens