Fechar
Buscar no Site

Ministério Público de Contas emite parecer pela desaprovação das contas de 2017 do prefeito Assis Ramos

A situação do Prefeito de Imperatriz, Assis Ramos começa a se complicar. A prestação de contas referente o ano de 2017 recebeu parecer do Ministério Público de Contas pela desaprovação.

O relatório agora vai ao pleno do TCE – Tribunal de Contas do Estado, se a maioria votar a favor do relatório, o mesmo é enviado a Câmara Municipal de Imperatriz, que pode acompanhar o relatório ou votar contra, se acompanhar, o prefeito estará impedido de ser candidato.

“Em suma, as contas do responsável devem evidenciar a posição patrimonial e financeira do Município. Não foi demonstrada a regular execução do orçamento e dos registros contábeis. As ações nas áreas da Educação, Saúde e Despesa com Pessoal apresentaram anormalidades. O dever de transparência fiscal não foi integralmente observado. Dos 11 (onze) itens analisados, 09 (nove) apresentam falhas e/ou irregularidades. Ponderando todos estes elementos, conclui-se que as Contas de Governo sob apreciação devem receber parecer pela desaprovação”.

Ainda falta analisar as contas de 2018 e 2019, segundo o vereador José Carlos, as mesmas não foram apresentadas à Câmara Municipal. As informações são do Portal do Frei.

O conteúdo deste blog é livre e seus editores não têm ressalvas na reprodução do conteúdo em outros canais, desde que dados os devidos créditos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

mais / Postagens