Fechar
Buscar no Site

Ligando o desconfiômetro

Por JM Cunha Santos

Está dito no manifesto do PDT de apoio à reeleição do prefeito João Castelo que a administração da capital é estratégica para o controle da política estadual. Essa consciência deveria bastar para que os partidos de oposição reflitam sobre outra estratégia: a do grupo Sarney de chegar à Prefeitura de São Luís, mesmo que seja por meio de prepostos não identificados publicamente e, assim, manter o controle da política estadual.

Nada garante que seja, de fato, o senhor Washington Oliveira, do PT, o candidato do grupo Sarney à Prefeitura de São Luís. Tudo indica que, no máximo, a do vice-governador é mais uma, entre as diversas opções de apoio da cúpula que governa o Maranhão. Aliás, essa história de que a candidatura de Washington veio para reaproximar Sarney da cúpula nacional do PT e da presidente Dilma Rousseff é mais furada que tábua de pirulito. Não é Sarney quem precisa de Washington, é Washington quem precisa de Sarney. Assim como não é o PMDB de Roseana quem precisa do PT, é o PT quem precisa do PMDB no Maranhão.

Há, na oposição, algumas candidaturas que nem precisam de avaliação para que se tenham por inviáveis e que, intencionalmente ou não, só estão servindo ao projeto de Sarney de manter o controle da política estadual no Maranhão. O mais provável é que ainda no mês de maio algumas desistências sejam consagradas. Para o bem da oposição, vamos esperar que sim.

A despeito de pesquisas que podem focar uma realidade eleitoral ou não, se ligarmos o desconfiômetro ao que já aconteceu nesse Estado, é de interesse do grupo Sarney criar a ilusão de que qualquer desses candidatos poderia vencer em uma disputa com o prefeito João Castelo. E isso, é claro, para que se mantenham na oposição candidaturas separatistas, enquanto o grupo Sarney, por debaixo dos panos, financia seus reais candidatos. Pensem nisso.

O conteúdo deste blog é livre e seus editores não têm ressalvas na reprodução do conteúdo em outros canais, desde que dados os devidos créditos.

6 respostas para “Ligando o desconfiômetro”

  1. Inácio Auguto de Almeida disse:

    E TUDO ISTO ACONTECE PELO MEDO QUE O FLÁVIO DINO TEM DE SER O CANDIDATO. MEDO DE MAIS UMA DERROTA, MEDO DE PERDER A EMBRATUR, MEDO DE DESAGRADAR A DILMA.
    QUER QUEIRAMOS OU NÃO FLÁVIO DINO É O ÚNICO QUE CONSEGUIRÁ UNIR AS OPOSIÇÕES EM TORNO DE UM NOME.
    FLÁVIO DINO.
    SERÁ MESMO SÓ POR MEDO QUE FLÁVIO DINO NÃO SE CANDIDATA?
    OU TUDO NÃO PASSA DE MAIS UM ESTRATAGEMA DO SARNEY?
    NÃO SE CANDIDATANDO FLÁVIO DINO MANTÉM A EMBRATUR E NÃO CORRE O RISCO DE SOFRER MAIS UMA DERROTA, ALÉM DE AGRADAR A DILMA E A SARNEY, POSSIBILITANDO ASSIM UMA POSSÍVEL ALIANÇA PARA 2014.
    SARNEY, MATREIRAMENTE, ALIMENTA ESTE RACIOCÍNIO DO FLÁVIO E CAMINHA PARA CONQUISTAR A PREFEITURA DE SÃO LUÍS. FAZ ISTO ATRAVÉS DE ACENOS DE QUE PODERÁ APOIAR FLÁVIO DINO EM 2014 E DE QUE A EMBRATUR CONTINUARÁ SENDO DO FLÁVIO DINO.
    E O POVO?
    O POVO QUE SE LASQUE!
    COM ESTE TIPO DE ‘OPOSICIONISTA” O GRUPO SARNEY DOMINARÁ A POLÍTICA MARANHENSE POR SÉCULOS E SÉCULOS.

  2. pericles santos disse:

    Jonh, quanto é que o pilantrão do Cunha Santos leva do Castelo para defender o mais incompetente e vagabundo dos prefeitos que já passou em São Luís?

  3. EUZEVEDO disse:

    CAOSTELO ninguem merece!

  4. joao pereira disse:

    Cunha Santos se agarra como pode na boquinha. Com todos os defeitos Tadeu fez mais pela oposição em 2006 do que Castelo em 2010. Caostelo etm de sair pra pagar pela burrice que fez em 2010.

  5. Dino disse:

    jonh,o moleque da foto ta parecido com o velho bigodudo.Jonh porque tu não mostras páginas de ONORÁVEIS BANDIDOS?gostaria muito de ler.

  6. Soulvlaki disse:

    Essa foto é incrível! Tudo a ver! Faltou só o crédito!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

mais / Postagens