Fechar
Buscar no Site

Insatisfeitos, um terço dos deputados governistas não comparecem a almoço organizado por Roseana

O “almoço de trabalho” da governadora Roseana Sarney (PMDB) realizado hoje (06) no Palácio dos Leões com a base parlamentar do governo na Assembleia foi marcada pela ausência de pelo menos 10 deputados – do total de 30 – que dão apoio ao seu governo na Casa.

Foto: Handson Chagas

De acordo com matéria distribuída pela Secretaria de Comunicação do Estado, estiverem presentes Afonso Manoel (PMDB), Antônio Pereira (DEM), Carlos Alberto Milhomem (DEM), Carlos Filho (PV), César Pires (DEM), Edson Araújo (PSL), Hemetério Weba (PV), Magno Bacelar (PV), Raimundo Cutrim (DEM), Rigo Teles (PV), Vianey Bringel (PMDB), Rogério Cafeteira (PMN), Raimundo Louro (PR), Zé Carlos (PT), Alexandre Almeida (PTdoB), André Fufuca (PSDB), Eduardo Braide (PMN), Carlos Florêncio (PHS), Jota Pinto (PR), Léo Cunha (PSC) e Francisca Primo (PT).

Entre as ausências notadas estavam o líder do governo deputado Manoel Ribeiro (PTB), que na sessão de segunda-feira bateu boca com o deputado Tatá Milhomem (DEM) em razão da aprovação, com a anuência de Milhomen, do requerimento que convida os secretários Luiz Bulcão (Cultura) e Tadeu Palácio (Turismo) para prestarem esclarecimentos sobre o do apoio do governo à Beija-Flor, e do deputado Roberto Costa (PMDB), que segundo informações estava em Brasília.

Além de Manoel Ribeiro, não estiveram presentes Camilo Figueiredo (PDT), Dr. Pádua (PP), Edilázio Júnior (PV), Fábio Braga (PMDB), Hélio Soares (PP), Marcos Caldas (PRB), Roberto Costa (PMDB) e Stênio Rezende (PMDB).

Em seu discurso, Roseana agradeceu aos deputados e destacou que a finalidade do encontro é estreitar as relações entre o poder Executivo e o Legislativo em prol de projetos que beneficiem a população. “Estamos aqui em um encontro de trabalho com a base governista, com a presença do presidente da Assembleia Legislativa e dos secretários, para encaminharmos os assuntos de interesse da população em clima harmonioso entre os dois poderes”, assinalou a governadora.

Na verdade, o encontro serviu para mostrar que pelo menos um terço da bancada de deputados que apóia Roseana anda insatisfeita com ela. Se os aliados andam inconformados, imagine a população…

O conteúdo deste blog é livre e seus editores não têm ressalvas na reprodução do conteúdo em outros canais, desde que dados os devidos créditos.

6 respostas para “Insatisfeitos, um terço dos deputados governistas não comparecem a almoço organizado por Roseana”

  1. edson disse:

    alguém pode me dizer, onde faço uma denuncia sobre invasão que adolfo esta fazendo na subida do parque timbira.

  2. edson disse:

    nome do novo estado, quando o maranhão for dividido em dois: maranhãosem. biblioteca,ginásio esportivo,72 hospitais, quanta hipócrisia . respondam:quem será depois de itamar.

  3. josemar disse:

    um assessor de um desses deputados rebeldes, nos confidenciou de que o motivo seria a predisposição de roseana em não voltar atraz em ver caso a caso como procederam os beneficiarios das emendas, os serviços e obras a que foram destinadas, e a suposta agiotagem . será?

  4. JOSE BARROS disse:

    O PRIMEIRO NOME DA LISTA DOS PRESENTES, É O DEP. AFONSO MANOEL QUE, EM PASSADO RECENTE, O JORNAL DA OLIGARQUIA “ENCHIA O SACO” DELE, POR SER SUPLENTE DE DEPUTADO. ALGUEM SE LEMBRA? HOJE, JUNTAMENTE COM A SUA MULHER, VICE PREFEITA DE SAO LUIS, SÃO ALIDADOS DE PRIMEIRA LINHA. CERTAMENTE POR CONVENIÊNCIAS… QUAIS SERÃO ESSAS CONVENIÊNCIAS?

  5. Dom Cosme... disse:

    Alí não existe rebelde… mas parece meninos chorões a espera das tetas suculentas!
    Como diz o Datena: Tõ certo ou estou errado?

  6. maria disse:

    E ahistória dos agiotas, vai ou não ser investigada?????????????

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

mais / Postagens