Fechar
Buscar no Site

Glalbert Cutrim participa da maior caminhada da história de Coelho Neto

O vice-presidente da Assembleia Legislativa, deputado Glalbert Cutrim (PDT), esteve no município de Coelho Neto, onde participou neste sábado (17), ao lado do candidato a prefeito Bruno Silva (11), da maior caminhada já realizada no município.

Com a participação de milhares de pessoas, o arrastão percorreu as principais vias do município e mostrou porque Bruno Silva lidera a corrida eleitoral, segundo dados da Pesquisa Escutec divulgada neste sábado.

Durante o ato de encerramento, Glalbert relembrou o tempo em que Coelho Neto era destaque na região, e o descaso e atraso que o município vive há quatro anos.

“Conhecemos todo o potencial do município, mas infelizmente, o que vemos hoje é um completo abandono por descaso do atual gestor. Mas isso tem data para acabar, pois a partir do dia 01 de janeiro de 2021, com Bruno prefeito, Coelho Neto voltará a ser destaque estadual, porque sei da competência do Bruno  e ele contará com o meu total apoio.” Disse Glalbert.

A caminhada contou com a participação do presidente estadual do PP, deputado federal André Fufuca, com o grupo de candidatos ao cargo de vereadores, e reuniu mais de 6 mil pessoas, de acordo com estimativa da organização.

O conteúdo deste blog é livre e seus editores não têm ressalvas na reprodução do conteúdo em outros canais, desde que dados os devidos créditos.

Uma resposta para “Glalbert Cutrim participa da maior caminhada da história de Coelho Neto”

  1. Aston Beckman disse:

    Duas coisas que deveriam estar na cara, que não ficaram pra todo mundo: máscara e vergonha. Pessoas que poderiam dar exemplos de responsabilidade individual, para influenciar positivamente o coletivo, são as primeiras a negligenciar. Neste período de campanha eleitoral, os candidatos irresponsáveis, sabendo que o nosso povo é averso ao cumprimento de regras, deixam a multidão agir à vontade e até empurrá-la ao contágio ou morte! Como se fosse uma troca: exigir máscara aos cortejantes, pode inibi-los de comparecer à reunião. Os caras querem é números para impressionarem os adversários!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

mais / Postagens