Fechar
Buscar no Site

Fernando Braide visita Ilha de Tauá-Mirim, na zona rural de São Luís, e reforça diálogo com famílias que vivem na região

O candidato a deputado estadual Fernando Braide (PSC) visitou os moradores da Ilha de Tauá-Mirim, em São Luís, onde vivem pouco mais de 40 famílias. Na ocasião, dialogou sobre as demandas que envolvem a comunidade e disse que seu objetivo é fortalecer o trabalho que o irmão e atual prefeito da capital, Eduardo Braide, tem desenvolvido para proporcionar mais qualidade de vida a quem reside na zona rural.

O acesso à Tauá-Mirim compreende um trajeto de barco de cerca de 30 minutos, partindo do Porto do Coqueiro. Os moradores da ilha vivem, em sua maioria, da pesca e da agricultura familiar, formas de empreendedorismo defendidas por Fernando Braide, que enxerga nas atividades mais simples o potencial para a geração de mais emprego e renda.

“Cada canto da nossa terra é importante e não pode ser esquecido. Tenho buscado conhecer mais sobre cada uma das comunidades de São Luís, para entender as necessidades que seus moradores ainda enfrentam e, portanto,  identificar o trabalho que precisarei desempenhar para garantir o desenvolvimento da minha cidade, do meu estado e qualidade de vida para todos”, disse Fernando Braide.

O candidato a deputado estadual esteve em Tauá-Mirim acompanhado da enfermeira Fátima Sales e disse, ainda, que as famílias que vivem na ilha terão um grande parceiro na Assembleia Legislativa do Maranhão a partir do ano que vem. “Minha eterna gratidão ao apoio das famílias que vivem em Tauá-Mirim. Quero dizer da felicidade de poder contar com todos os moradores, e de eles confiarem em mim para ser seu representante no legislativo”, finalizou.

O conteúdo deste blog é livre e seus editores não têm ressalvas na reprodução do conteúdo em outros canais, desde que dados os devidos créditos.

Uma resposta para “Fernando Braide visita Ilha de Tauá-Mirim, na zona rural de São Luís, e reforça diálogo com famílias que vivem na região”

  1. Domingos disse:

    Só irá voltar lá novamente quando a estrada para Tauá estiver pavimentada. Como diria a nossa saudosa ” Conceição Andrade”..kkkkk

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

mais / Postagens