Fechar
Buscar no Site

Energia elétrica vai ficar mais cara no Maranhão a partir da próxima terça (28)

A energia elétrica vai ficar mais cara no Maranhão a partir da próxima terça-feira, dia 28. O reajuste nas tarifas foi autorizado pela Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL), nesta terça-feira (21).

Os consumidores residenciais, como casas e apartamentos, atendidos pela Companhia Energética do Maranhão (CEMAR), vão ter reajuste médio de 16,67%. Assim, uma pessoa que paga R$ 10 de energia elétrica, por exemplo, vai passar a pagar em média R$ 11,67.

Já os consumidores de alta tensão, como indústrias e comércios, vão pagar 17,86% a mais na conta luz.

A CEMAR atende cerca de dois milhões e meio de consumidores em 217 municípios maranhenses. Segundo a ANEEL, o que mais influenciou o aumento foram os custos associados a prestação do serviço, entre eles o risco hidrológico e a aquisição de energia.

Ainda de acordo com a Agência, nos últimos 10 anos, as tarifas residenciais da CEMAR têm registrado variação menor do que a inflação calculada pelo IGP-M e pelo IPCA no período.

Vale lembrar que neste mês de agosto a bandeira tarifária em vigor é a vermelha patamar 2, a mais cara. Com isso, os consumidores estão pagando R$ 5 a mais a cada 100 quilowatts-hora consumidos. (EBC)

O conteúdo deste blog é livre e seus editores não têm ressalvas na reprodução do conteúdo em outros canais, desde que dados os devidos créditos.

3 respostas para “Energia elétrica vai ficar mais cara no Maranhão a partir da próxima terça (28)”

  1. Chico disse:

    Eu só queria que o meu salário aumentace nessa proporção um absurdo.eu vou emvesti em energia solar.so falta dezerem que o sol é deles

  2. Kleber disse:

    É isso aí parceiro!

  3. Não dá sugestão pra eles não , mas eu acho que no futuro vão cobrar pela energia solar e eólica também.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

mais / Postagens