Fechar
Buscar no Site

Crise econômica nacional agravada pelo coronavírus faz Maranhão cortar gastos

A crise econômica brasileira, que foi agravada pela pandemia do coronavírus no mundo, fez o governo do Maranhão adotar medidas de contenção de gastos para diminuir os efeitos das perdas de receitas federais.

Por meio de nota, a Secretaria de Estado da Gestão, Patrimônio e Assistência do Servidor (Segep) informou que estão suspensas novas nomeações relativas a concursos públicos.

“Ainda não estão claras as consequências para as finanças públicas em decorrência do quadro nacional e internacional. A reavaliação da medida de suspensão será efetuada tão logo haja um diagnóstico mais claro sobre os desdobramentos da crise”, diz a nota.

O conteúdo deste blog é livre e seus editores não têm ressalvas na reprodução do conteúdo em outros canais, desde que dados os devidos créditos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

mais / Postagens