Fechar
Buscar no Site

Conselho de Ética vai indicar relatores de pedidos de cassação de Josimar Maranhãozinho e mais 11 deputados

Paulo Azi, presidente do Conselho de Ética da Câmara, quer indicar os relatores das 22 representações contra 12 deputados federais na reunião da próxima quarta-feira, no colegiado.

Todas os 22 pedidos de investigação estão instaurados. Na última sessão, foram escolhidos os nomes das listas tríplices para cada representação. Porém, alguns deputados sorteados para compor a lista tríplice pediram para que seus nomes fossem retirados da relação.

Agora, Azi vai novamente sortear os substitutos e também aproveitar a reunião do colegiado para indicar um dos três sorteados para relatar cada pedido.

O Conselho instaurou representações contra Eduardo Bolsonaro (há sete pedidos contra ele, inclusive, aquele por zombar da jornalista Míriam Leitão), Carlos Jordy (PL-RJ), Carla Zambelli (PL-SP), Jandira Feghali (PCdoB-RJ), Talíria Petrone (PSol-RJ), Josimar Maranhãozinho (PL-MA), Heitor Freire (União-CE), Bia Kicis (PL-DF) e Kim Kataguiri (União-SP), Wilson Santiago (Republicanos-PB), Soraya Manato (PTB-ES) e Éder Mauro (PL-PA).

Josimar Maranhãozinho foi acusado pela Rede de participar de desvio de verbas de emendas parlamentares (Representação 15/22).

Uma representação contra Josimar Maranhãozinho (PL) foi protocolada em 3 de dezembro do ano passado e o caso estava parado. Imagens gravadas pela Polícia Federal flagraram o deputado carregando caixas com dinheiro em seu escritório. Os recursos seriam provenientes de desvios de emendas parlamentares.

O conteúdo deste blog é livre e seus editores não têm ressalvas na reprodução do conteúdo em outros canais, desde que dados os devidos créditos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

mais / Postagens