Fechar
Buscar no Site

BRT vai interligar municípios da Região Metropolitana

O Governo do Maranhão apresentou para a imprensa, nesta terça-feira (14), um conjunto de obras realizadas pela administração pública estadual em São Luís e que serão entregues este ano.

Os secretários de Estado de Comunicação Social e Assuntos Políticos, Rodrigo Lago, de Governo, Antônio Nunes, de Cidades e Desenvolvimento Urbano, Rubens Jr., e o presidente da Agência Estadual de Mobilidade Urbana e Serviços Públicos (MOB), Lawrence Melo, mostraram o andamento das obras do Edifício João Goulart, no Centro Histórico; do Residencial Jomar Moraes, no Sítio Piranhenga; e da duplicação da Avenida Litorânea. Juntas, as obras representam investimentos de R$ 180 milhões na capital maranhense.

O titular da Secap, Rodrigo Lago, disse ser “muito importante que a população possa ver concretamente como estão sendo aplicados os recursos e a finalidade dessas obras tão importantes para a Ilha de São Luís”.

“Nós temos um amplo conjunto de obras na capital, mas estas que estamos apresentando hoje mostram a relevância das ações em São Luís. Todas serão entregues neste ano, algumas delas no primeiro semestre. É muito importante dar transparência à população, mostrando como estamos fazendo, quais os ganhos para a população e a nossa responsabilidade com o uso dos recursos públicos”, detalhou o secretário de Cidades, Rubens. Jr.

Extensão da Litorânea

Planejada para ser uma obra que une novo modelo de mobilidade urbana, paisagismo e incentivo ao turismo, a primeira parte do prolongamento da Avenida Litorânea será entregue ainda em 2019. Segundo o presidente da MOB, Lawrence Melo, a obra encurtará em mais de 40 minutos a viagem de passageiros de municípios da Grande Ilha que usam transporte público no deslocamento até São Luís.

“O transporte tipo BRT vai interligar os municípios da Região Metropolitana e melhorar a circulação do transporte coletivo metropolitano, com dois Terminais de Integração. Isso significa que nós desafogaremos avenidas como a Jerônimo de Albuquerque, permitindo a utilização do transporte rápido por milhares de usuários, desafogando o trânsito”, explicou.

A previsão da MOB é que todas as etapas para instalação do novo sistema sejam concluídas até outubro de 2020. Para o presidente da MOB, a economia de tempo é um dos grandes ganhos do novo tipo de transporte a ser implantado.

Ao todo, o Governo do Maranhão soma R$ 4,7 bilhões para realização de obras e ações em São Luís. Os investimentos estão concentrados em obras estruturantes como a construção de moradias, Hospital da Ilha, PAC São Francisco, Parque Rangedor, Ponte Pátio Norte, além de programas sociais e ações de incentivo a geração de renda.

O conteúdo deste blog é livre e seus editores não têm ressalvas na reprodução do conteúdo em outros canais, desde que dados os devidos créditos.

2 respostas para “BRT vai interligar municípios da Região Metropolitana”

  1. Gabriel disse:

    Engraçado, são tantas obras que ninguém vê! Essa história de o BRT ser entregue só em Outubro de 2020, tem tudo haver com as Eleições Municipais. Adivinhe quem irá entregar? O Secretário Rubens Pereira Júnior, candidato a prefeito de Flávio Dino. Esse não dá ponto sem nó. Espero que a população esteja atenta a essas velhas práticas da política. Não podemos eleger novamente um candidato de Flávio Dino! Temos que votar no Eduardo Braide #33!

  2. miguel disse:

    Mais um estelionato eleitoral desse governo mentiroso !!! Não passa de obra eleitorira para promoção do seu pupilo, filhote de fichas suja,à prefeito de São Luís. Apostou em Edivaldo e deu no que deu !!!! O povo tá de olho !!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

mais / Postagens