Fechar
Buscar no Site

Ao ignorar hospitais do estado, vistorias do MP não atendem ao interesse público

Blog do Raimundo Garrone

A promotora Glória Mafra: um bom trabalho que pode ir por água abaixo caso não o faça na rede estadual de saúde

A promotora Glória Mafra: um bom trabalho que pode ir por água abaixo caso não o faça na rede estadual de saúde

As vistorias realizadas pela titular da Promotoria de Justiça da Saúde, Glória Mafra, são de suma importância para garantir um serviço de saúde pública de qualidade.

Mas ela precisa ter o mesmo empenho para vistoriar os hospitais do estado, como fez na última terça-feira no Hospital da Criança e no Socorrão, administrados pela Prefeitura de São Luís.

Do contrário, ela estaria apenas atendendo interesses políticos que visam atingir a administração Edivaldo Holanda Júnior. Ainda mais quando ela faz essas vistorias acompanhada da imprensa para gerar manchetes negativas, em especial nos veículos de comunicação da família Sarney.

Clique aqui e continue lendo

O conteúdo deste blog é livre e seus editores não têm ressalvas na reprodução do conteúdo em outros canais, desde que dados os devidos créditos.

8 respostas para “Ao ignorar hospitais do estado, vistorias do MP não atendem ao interesse público”

  1. joao coelho disse:

    ja participei de uma reuniao com essa moça, quando a gente faz uma pergunta soubre os hospitais de ricardo e roseana, ela muda de aspecto, nao responde, promotora eu faço uma pergunta pra voce, cade o hopital pandiamante, que nunca acaba, eu acho que voce e du lado do mal, amiquinha do cancer do maranhao, a ologarquia, todo mundo acha que voce puxa saco de ricardo murad. essa e minha opiniao.

  2. joao vitor disse:

    sempre achei estranho, essa promotora so vistoria os hospitais da prefeitora, os hospitais do estado sao uma verdadeira porcaria, os hospitais do maranhao nem se fala, mais ela so que condenar edivaldo holanda, que agora que que tem 5 messes na frente da prefeitura de sao luis, ola promotora justiça e pra todos,

  3. lissa disse:

    sei nao eu acho que que ela esta pra fazer vista grossa nos hospitais da prefeitura de sao luis deixando os hop do estado fora da vistoriais. eu em;;;;;

  4. raimundinho disse:

    a promotora e amiga pessoa de ricardo e roseana, ela so da sorrisos largor pra eles pra hedivaldo e dr vinicio ela nao da um sorriso se qr, eu em ai tem coisa grande nisso, jonh voce esta de parabens, por ter essa atitude de colocar em seu bloq, qundo eu enconta essa promotora eu vou fazer uma pergunda pra ela porque so a prefeitura voce peseque. sia fora ….. tu esta amarrado.

  5. Joana Maria Santana disse:

    Com a palabra, a Dra. Regina Rocha…

  6. juvenal silva disse:

    Essa senhora com essa cabeleira exótica deveria ser mais equânime em seu procedimento, ela deveria vistoriar e cobrar o funcionamento do pan diamante, se não o faz é porque aí tem coisa. Uma vergonha.

  7. Wilson disse:

    Duvido que ela visite os hospitais do Estado

  8. Jackson herbert de Oliveira Coelho disse:

    Nao me espanta essa postura do Ministério Público. Tenho presenciado absurdos no Maranhao, e a maioria deles sendo cometidos por Promotores de Justica. Na cidade de Caxias MA, por exemplo, o ex-prefeito Humberto Coutinho por muitas vezes, durante seus encontros com amigos e correligionários, chegou a dizer: ” promotor é como bandeirinha, nao apita nada. Quem manda mesmo é juiz.” Fazia ele um trocadilho com jogo de futebol. Todos em Caxias sabem que os promotores de lá comem na mao do ex prefeito. Alguns deles tem mesadas, recebidas mensalmente por intermédio de laranjas.
    Nenhuma denuncia em Caxias, mesmo estando muito bem fundamentada, chega a ser investigada. Um exemplo triste disso é o caso do Comandante do 2° Batalhão de Polícia Militar, Major Jurandi. Ele, ao ser nomeado Comandante fez um discurso inflamado, onde pregava moralismo e honestidade sem iguais. Hoje, pouco tempo depois, o que se vê é bem diferente. Ele e outros Policiais recebem, além de seus vencimentos normais por serem Policiais do Estado, remuneração paga por várias Prefeituras Municipais da região, entre elas Caxias, Sao Joao do Sóter, Coelho Neto e outras. O Comandante Jurandi usa o PROERD, um programa para ajudar na repressao contra o uso de drogas, como principal instrumento para tal absurdo. Segundo informacoes, o tal Comandante chega a receber por mes mais de 36 mil reais de remuneracao. Detalhe, tudo oficialmente. Os Policiais do 2° Batalhao estao revoltados, pois mesmo depois de inumeras denuncias, nada foi feito. O Ministério Público em Caxias nada faz. Incrível!!!
    Outro caso absurdo é o que ocorre aqui em Sao Luis, e que envolve um Ten Coronel da Policia Militar. Esse mantém um esquema de desvio de verbas através de uma empresa em nome de seu filho, que administra o servico de monitoramento dos presídios maranhenses. Nao faltam denuncias e nada até o momento foi feito.
    Se quem tem o dever de fiscalizar essas irregularidades nada faz, imagine como fica a nossa populacao.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

mais / Postagens