Fechar
Buscar no Site

A tática do pisca no Maranhão

Jackson Lago usará a tática do pisca na disputa judicial que trava com Roseana Sarney. Os advogados da sua coligação só vão recorrer ao TSE para impugnar Roseana se o Ministério Público fizer o mesmo no caso dele.

Ontem o TRE do Maranhão liberou a candidatura dos dois, ignorando a Lei da Ficha Limpa segundo a qual condenações anteriores por quaisquer órgãos colegiados da Justiça tornam eles inelegíveis. Para aquela Corte estadual, a nova lei vale apenas para punições futuras.

Derrotado, o MP Eleitoral do Maranhão considerava Lago ficha-suja porque ele foi cassado ano passado por decisão da Justiça Eleitoral. E, para os advogados da chapa adversária de Roseana, igualmente perdedores na quarta-feira, Roseana estaria inelegível, pois foi condenada recentemente duas vezes pelo TJ maranhense por atos do final do governo, em 2002.

O prazo do jogo do pisca – e de um eventual recurso ao TSE de cada uma das partes – encerra-se no sábado. Se ninguém recorrer, claro, a disputa entre Roseana e Lago será no voto. (Lauro Jardim)

O conteúdo deste blog é livre e seus editores não têm ressalvas na reprodução do conteúdo em outros canais, desde que dados os devidos créditos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

mais / Postagens