Fechar
Buscar no Site

A força de Flávio Dino…

O ex-governador Flávio Dino(PSB) se consolida como a maior liderança política do Maranhão. Ao sair das urnas com mais de 2 milhões de votos(2.125.811), Dino, além de ser o senador mais votado na história do estado, conseguiu eleger seu sucessor, Carlos Brandão, em primeiro turno, um resultado visto como improvável para muitos.

Vale lembrar que Flávio Dino se tornou governador em 2018 e elegeu Roberto Rocha senador. Quatro anos depois, concorreu à reeleição, sendo vitorioso no primeiro turno, e na sua chapa de senado foram eleitos Weverton Rocha e Eliziane Gama.

Dino também ajudou a eleger Edivaldo Jr. prefeito de São Luís.

Agora, no domingo, além de ser consagrado senador com a maior votação de toda a história, Dino ainda elegeu Brandão governador em único tuno e colaborou com a eleição de boa bancada de deputados.

Flávio enfrentou no domingo sua 6ª disputa eleitoral. Em sua carreira política, essa foi a sua 4ª vitória.

Fica comprovado, nas urnas, que Flávio Dino hoje é a maior liderança politica em atividade do Maranhão.

Biografia

Natural de São Luís (MA), Flávio Dino tem 54 anos. Filho de advogados, ele ingressou no curso de direito na UFMA (Universidade Federal do Maranhão) em 1986, onde exerceu o cargo de coordenador do DCE (Diretório Central dos Estudantes). Em 1989, foi um dos coordenadores da ala juvenil da campanha de Lula à Presidência do Brasil.

Foi juiz federal por 12 anos sendo, inclusive, secretário-geral do Conselho Nacional de Justiça (CNJ). Abandonou a carreira em 2006 para se filiar ao PCdoB e ingressar na vida política. No mesmo ano, foi eleito deputado federal com mais de 120 mil votos.

Em 2010, tentou o governo do Maranhão pela primeira vez, mas ficou em segundo lugar. Em 2011, assumiu a presidência da Embratur no primeiro mandato da presidente Dilma Rousseff (PT). Em 2014, novamente concorreu ao governo do estado e foi eleito governador ainda no primeiro turno com quase 2 milhões de votos, tornando-se o primeiro governador da história do PCdoB. A eleição de Flávio Dino foi simbólica, pois rompeu com décadas de predomínio da família de José Sarney no Maranhão. Após um primeiro mandato bem avaliado, candidatou-se à reeleição em 2018 e venceu novamente em primeiro turno com quase 60% dos votos.

Dino é advogado e professor de direito da Universidade Federal do Maranhão (UFMA) desde 1993. Tem mestrado em direito público pela Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) e também lecionou na Faculdade de Direito da Universidade de Brasília (UnB), de 2002 a 2006.

Foi juiz federal por 12 anos e exerceu os cargos de secretário‐geral do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), presidente da Associação dos Juízes Federais do Brasil (Ajufe) e assessor da Presidência do Supremo Tribunal Federal (STF).

Presidiu o Instituto Brasileiro de Turismo, a Embratur, de 2011 até 2014, quando elegeu-se governador do Maranhão pela primeira vez (em 2018, foi reeleito ao cargo). Em 2012, concorreu à prefeitura de São Luís.

Sua primeira suplente é Ana Paula Lobato (PSB); a segunda suplente é Lourdinha (PCdoB).

O conteúdo deste blog é livre e seus editores não têm ressalvas na reprodução do conteúdo em outros canais, desde que dados os devidos créditos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

mais / Postagens