Fechar
Buscar no Site

APÓS AUMENTAR O ICMS TRÊS VEZES, GOVERNADOR DO MARANHÃO FLÁVIO DINO CRITICA REFORMA TRIBUTÁRIA DE BOLSONARO

O governador Flávio Dino (PCdoB) apontou falhas na proposta de Reforma Tributária horas depois de entregue formalmente pelo ministro da Economia, Paulo Guedes, aos presidentes da Câmara Federal e do Senado, Rodrigo Maia e Davi Alcolumbre, respectivamente.

No Twitter, o comunista disse que o erro da peça está no aumento da carga tributária para uns, em detrimento de outros.

“Reforma tributária deve ter dois objetivos caminhando de mãos dadas: 1 – justiça tributária; 2 – simplificação e eficiência. A primeira proposta do Governo Federal sobre PIS/COFINS avança no item 2. Mas erra no item 1, ao aumentar a carga para uns e preservar outros, como os bancos”, escreveu.

Desnecessário lembrar, pelo menos aos maranhenses, que o Flávio Dino que hoje critica a reforma do governo, é o mesmo governador que aumentou o ICMS do estado três vezes em cinco anos – duas delas fazendo “cambalachos” com a Assembleia Legislativa para tentar evitar que a população descobrisse logo as maldades.

F. G. Leda

O conteúdo deste blog é livre e seus editores não têm ressalvas na reprodução do conteúdo em outros canais, desde que dados os devidos créditos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

mais / Postagens