Fechar
Buscar no Site

Avanços em tecnologia garantem melhorias no Detran do Maranhão

Diretora geral do Detran-MA, Larissa Abdalla Brito, faz um balanço das ações do órgão no ano de 2018

Investimentos em tecnologia e na capacitação dos servidores possibilitaram, ao longo de 2018, avanços consideráveis nos serviços prestados pelo Detran no Maranhão. A avaliação é da diretora geral do órgão, Larissa Abdalla Britto, que nesta entrevista faz um balanço das ações do Detran-MA e anunciou as metas para 2019.

“Para nós a proximidade com o público é muito importante, o que nos permite dizer que o atendimento aos usuários teve uma melhoria de 100%”, frisou Larissa Abdalla, salientando que a construção do novo data center faz parte de um conjunto de obras que visam modernizar o Detran-MA.

O novo data center abriga uma área de vídeo monitoramento voltado para o serviço de fiscalização de trânsito. O setor, também, está pronto para dar apoio às operações do Batalhão da Polícia Rodoviária Militar (BPRV), com o uso da tecnologia de identificação de placas e cruzamento de dados com o Sistema de Informática, auxiliando no combate às infrações e crimes de trânsito.

Larissa Abdalla Britto explicou que o data center possui Sistema de Reconhecimento Ótico de Caracteres, que permite a identificação, através das placas, de veículos compendências. Ela salientou que o novo Centro garante mais estabilidade ao sistema e melhorias na prestação de serviço em São Luís e em todas as Ciretrans.

“Nosso objetivo é prestar um atendimento igual, e com a mesma qualidade na sede, nos postos e nas Ciretrans. Esta obra, que transformou todo o Setor de Informática, proporcionou uma melhoria de toda a parte elétrica e de serviço de internet, fundamentais no dia a dia do Detran-MA”, disse.

Educação para o Trânsito

Entre avanços e investimentos, Larissa Abdalla frisou ainda que a Educação para o Trânsito continua sendo uma das principais missões do Detran-MA. Durante o ano de 2018, foram realizadas 2.182 ações em 133 municípios maranhenses, com abordagens educativas em empresas, escolas públicas e privadas, avenidas, bares e restaurantes, com os programas “Detran vai à escola”, “Detran Volante”, Direção Certa”, “Se liga na Via”, “Condutor do Amanhã”, “Tarde Cultural” e o projeto “Humanizar”.

Estes programas difundem mensagens com o seguinte alerta: É preciso fazer a escolha certa e é essencial respeitar as leis de trânsito, para evitar acidentes e salvar vidas.

Graças a este trabalho, a diretora geral do Detran-MArecebeu, neste mês de dezembro, o Prêmio “Sentinelas do Trânsito” concedido pelo Observatório do Trânsito do Maranhão em reconhecimento pelo seu trabalho em favor da educação e segurança no trânsito no Estado.

O Observatório do Trânsito do Maranhãofoi criado em 2016 com o objetivo analisar projetos desenvolvidos em todo o Estado que estejam relacionados à melhoria nas condições de trânsito.

A instituição está vinculada à Fundação de Saúde Odilon Soares e, anualmente, oferece o Prêmio “Sentinelas do Trânsito” àqueles que mais se destacaram na luta por um trânsito mais seguro. Neste ano, a diretora geral do Detran-MA, Larissa Abdalla, foi agraciada com o Prêmio “Sentinelas do Trânsito” na categoria Poder Público.

Novas Ciretrans

Desde 2015, o Maranhão já recebeu Circunscrições Regionais de Trânsito (Ciretran) novas ou reformadas em todo o Estado. São locais que funcionam como uma espécie de filial do Departamento de Trânsito (Detran).

As Ciretrans levam os serviços para os motoristas até as cidades onde o Detran não está presente fisicamente.Ou seja, os condutores não precisam ir até o Detran, economizando tempo e dinheiro. Por isso é importante a expansão dessas unidades.

Hoje existem 15 Ciretrans no Maranhão. Nas Ciretrans, os cidadãos podem fazer consultas sobre multas, pontos na carteira e IPVA, além de serviços referentes ao licenciamento, registro de veículos, CNH e diversos outras atividades.

A Ciretran também atua diretamente no trânsito, buscando levar mais segurança e fluidez aos veículos. A Circunscrição ainda oferece assistência a pedestres e motoristas. Segundo Larissa Abdalla, em 2018, 10 das 15 Ciretranspassaram por obras de reformas e ampliação.

Perspectivas para 2019

A diretora geral do órgão, Larissa Abdalla Britto, prevê ainda mais melhorias para o Detran-MA no ano de 2019, a começar por uma maior inserção dos municípios maranhenses no Sistema Nacional de Trânsito. Para Larissa Abdalla, a municipalização do trânsito tem muito benefícios, como garantia do trânsito seguro, aumento da receita municipal para obras de engenharia, fiscalização e educação para o trânsito e por consequência, redução dos gastos com saúde.

Além da implantação do licenciamento eletrônico, à semelhança da habilitação digital, o Detran-MA deverá dar início em 2019 a um programa que possibilitará o pagamento do IPVA, taxas e multas através de cartão de crédito. E deverá acontecer o retorno da Operação Lei Seca, com ações remodeladas. Segundo Larissa Abdalla, a parceria entre as instituições para realização de campanhas como a da Lei Seca é necessária para a conscientização da população.

“Quando motoristas, passageiros e pedestres são abordados em ações conjuntas a mensagem tem mais resultado e a mudança de atitude no trânsito é imediata. Dessa forma, mais vidas serão salvas”, frisou a diretora.Segundo ela, o Posto Avançado do Detrando Shopping do Automóvel está sendo reformado e será entregue com melhorias e inovações.

Assim que forem solucionadas as pendências no âmbito do Departamento Nacional de Trânsito (Denatran), o Detran-MA, segundo Larissa Abdalla, já está totalmente adaptado para a implantação da placa padrão Mercosul nos veículos do Estado.

O conteúdo deste blog é livre e seus editores não têm ressalvas na reprodução do conteúdo em outros canais, desde que dados os devidos créditos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

mais / Postagens