Fechar
Buscar no Site

Saúde em Alcântara avança consideravelmente em sete meses de gestão

Os resultados mostram a diferença entre o passado e o presente. Desde janeiro quando o prefeito Anderson Wilker (PCdoB) assumiu a gestão do município de Alcântara, as primeiras medidas tomadas, foram a reestruturação da saúde pública, que agonizou por vários anos nas mãos de ex-gestores. De imediato o prefeito contratou médicos, montou uma equipe técnica altamente capacitada e comprou medicamentos que abastecem a farmácia do Hospital Dr. Neto Guterres.

A Estratégia Saúde da Família (ESF) conta com nove equipes de saúde distribuídas em todas as 217 comunidades e sede do município. Além disso, são cinco consultórios odontológicos e um Odontomóvel.  As equipes são compostas por nove médicos, nove enfermeiros, nove técnicos de enfermagem, cinco dentistas, cinco auxiliares de odontologia e 72 Agentes Comunitários de Saúde, que fazem o mapeamento nos povoados.

A prefeitura, através da Secretaria de Saúde do Município, já implantou o Programa saúde na escola (PSE), onde a gestão conta com uma coordenadora da saúde, uma coordenadora da educação e um técnico de enfermagem. O trabalho é realizado em parceria com as equipes da ESF, em que as ações são voltadas para os estudantes, de acordo com o calendário sugestivo da Secretaria de Estado da Saúde.

Até o mês de julho (sete meses de gestão) já foram realizados pela Secretaria Municipal de Saúde, 3.462 atendimentos com alunos da sede e zona rural pelo Programa Saúde na Escola. O objetivo é ofertar os serviços em todas as escolas do município até o encerramento do ano letivo.

A secretaria implantou no município também, a vigilância em saúde; onde os profissionais trabalham com a vigilância epidemiológica e sanitária. Além disso, já foram implantados vários programas, dentre eles o de combate à hanseníase e tuberculose, onde a população conta com o atendimento de um enfermeiro tanto para acompanhamento, quanto para notificação dos casos, assim como para entrega dos medicamentos, até evoluir para alta medicamentosa com a cura dos pacientes.

Os pacientes com hanseníase ou tuberculose podem ser tratados no próprio município de Alcântara, já que o prefeito está dando todas as condições e investindo na saúde pública. A prefeitura conta ainda, com mais de 30 pacientes cadastrados no programa de Tratamento Fora de Domicílio (TFD) que recebem ajuda financeira mensalmente, para realizar atendimentos que ainda não são disponibilizados no município de Alcântara.

Quando o problema do paciente é complicado e necessita de atendimento em hospital de alta complexidade, o prefeito Anderson Wilker disponibiliza um transporte para levar o paciente até a cidade de Pinheiro para realizar as consultas especializadas e exames como tomografia, já que o Hospital Macro Regional foi construído com essa finalidade.

O prefeito de Alcântara destacou o trabalho feito e o empenho de toda equipe da secretaria e da gestão. “Nossa meta é trabalhar, e por isso fomos eleitos pela grande maioria da população para isso, trabalhar pelo povo de Alcântara. Hoje investimos dez vezes mais que a verba destinada para a saúde de Alcântara. Mesmo com as dificuldades, estamos colocando a saúde para funcionar; já entregamos uma ambulância, a farmácia está cheia com medicamentos, médicos 24 horas e em breve entregaremos mais uma ambulância ao povo desta cidade. Nosso próximo passo será reformar o hospital e equipá-lo, reabrindo o centro cirúrgico, que foi abandonado pela gestão anterior” – enfatizou.

O hospital Dr. Neto Guterres disponibiliza de médicos 24 horas (plantão), medicamentos e uma equipe de profissionais altamente qualificada, além três ambulâncias que circulam dia e noite em todo município. Além disso, a secretaria de saúde de Alcântara, em parceria com o governo do estado, tem realizado mutirões de glaucoma, catarata e pterígio, beneficiando centenas de pacientes.

Os números mostram os avanços e cuidados que a gestão do prefeito Anderson Wilker tem com seu povo. Foram 8.640 atendimentos médico, 17.280 atendimentos de enfermagem, 4.794 hiperdia, sendo  656 gestantes e 1.824 crianças  atendidos.

Pacientes encaminhados pela gestão para outras especialidades como cirurgião geral, 51 atendimentos, Ortopedia (46), Pediatria (12), RaioX (97), Tomografia (97), Mamografia (39), Mastologista (9), Endoscopia Digestiva Alta (19), Gastroenterologista (22), Cardiologista (36), Neurologista (6), Ultrassonografia (54), Nefrologista (8), Otorrinolaringologista (20), Urologista (15) e Cirurgias (16).

Para a secretária Ramone Araújo, a saúde de Alcântara começa ganhar forma depois de muito trabalho. “Recebemos apenas o prédio, servidores e mais nada. Tudo estava parado, nada funcionava, não tínhamos médicos e remédio nem se falava. As equipes da ESF não funcionavam há anos. Planejamos tudo, organizamos e colocamos para funcionar, os números mostram a comparação entre passado e presente. Nossa meta é melhorar ainda mais, trazendo mais especialistas para compor nossa equipe. O prefeito está dando todas as condições de trabalho e os resultados estão aparecendo” – disse.

Fotos: José Lindoso

O conteúdo deste blog é livre e seus editores não têm ressalvas na reprodução do conteúdo em outros canais, desde que dados os devidos créditos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

mais / Postagens