Fechar
Buscar no Site

Nova fase da Lava Jato pode chegar em políticos do MDB

Em depoimentos, Sérgio Machado chegou a afirmar que Sarney recebeu propina de contratos da Transpetro durante nove anos, no valor total de R$ 18,5 milhões.

A 59.ª fase da Lava Jato foi deflagrada hoje a partir de delação feita pelo ex-senador Sérgio Machado, que presidiu a Transpetro e foi um importante membro do MDB. Segundo o procurador Roberson Pozzobon, Machado “explicou que parte das propinas que recebeu foi destinada a importantes políticos do partido”. “Na maioria dos esquemas de corrupção identificados pela Lava Jato, foi constatado o comprometimento de importantes agentes públicos amparados por um braço político-partidário. O esquema de corrupção cuja investigação se aprofunda hoje não foge a essa regra. O ex-presidente da Transpetro (Sérgio Machado), indicado e mantido no cargo pelo então PMDB, explicou que parte das propinas que recebeu foi destinada a importantes políticos do partido. É essencial que as investigações avancem e os fatos sejam completamente esclarecidos”, disse Pozzobon.

Coordenador da Lava Jato, Deltan Dallagnol também reforçou a necessidade de que essas investigações prossigam: “Ex-presidente da Transpetro confessou que repassava parte das propinas para políticos importantes do PMDB. Fatos precisam ser esclarecidos. Não é saudável para o País que paire uma nuvem de suspeita sobre pessoas que ocupam relevantes cargos públicos”, disse Deltan. /Marcelo de Moraes. BR18

O conteúdo deste blog é livre e seus editores não têm ressalvas na reprodução do conteúdo em outros canais, desde que dados os devidos créditos.

3 respostas para “Nova fase da Lava Jato pode chegar em políticos do MDB”

  1. Sa Vale Filho disse:

    O ex-Procurador Geral da República,Rodrigo Janot,pediu a prisão desse velhaco.Prisao domiciliar com tornozeleira eletrônica.
    Olha a Lava-Jato.
    Cadê a Polícia Federal?

  2. O JUSTO e os sonhos deles é voltar a colocar ás mãos nas chaves dos cofres público disse:

    Que se faça justiça, não é admissível que muitos políticos contribuíram com os desvios dos bilhões público, que deveriam serem aplicados nas políticas públicas e justiça social, saúde, educação, segurança pública, saneamentos básicos, asfaltos,creches, escolas, hidrovias, ferrovias, portos e aeroportos, foi criado a maior organização criminosa nunca visto em nosso Brasil. Usaram e abusaram dos bilhões publico, contribuíram com ás mortes de milhões de pessoas nas filas dos hospitais público, muitos morreram por falta dos remédios para quem tinha doenças raras e necessitavam dos remédios para amenizar ás suas dores. Que os culpados sejam punidos nas formas das leis, e que isso sirva de lições aos que ainda pensam em desviarem dinheiro público como se os mesmos tivessem ás prerrogativas de serem os donos dos bilhões público, que os bilhões sejam devolvidos aos cofres público com juros e correções monetárias atualizados, vamos passar o nosso Brasil a limpo, que se construa mais presídios e que se façam justiça, o POVÃO não suporta mais continuar vivendo nos sofrimentos , enquanto os quadrilheiros uns mais ricos que os outros, além de roubarem os bilhões público, ainda desdenham das autoridades e das caras dos eleitores brasileiro. Um dia isso terá fim, vamos renovar o congresso nacional, muitos já terão que sair dia primeiro de fevereiro de 2019, já foi dado os primeiros passos, que em 2022 ainda sobrará poucos para contaminar os jovens que estão preparados para ás boas mudanças, certamente em 2026 será o fim dos que se achavam que ás mamatas nunca iriam acabar. Deus é onipotente, onisciente e onipresente, somente o grandioso Deus é único.

  3. abimael disse:

    Estamos chegando lá.
    Aos poucos a sepultura do El Bigodon está sendo preparada.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

mais / Postagens