Fechar
Buscar no Site

Maranhão é líder no Brasil com alta no PIB de quase 10%

Em meio à maior crise da história do Brasil, o Maranhão conseguiu ser destaque. O Estado cresceu 9,7% em 2017, de acordo com relatório feito pelo Itaú Unibanco publicado neste sábado (10) pelo jornal Folha de S.Paulo.

O PIB (Produto Interno Bruto) mede a soma das riquezas produzidas no Estado. Seus dados são medidos pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), ligado ao governo federal.

Os dados por Estado ainda não foram divulgados pelo IBGE (hoje as informações mais atualizadas são de 2015), mas o levantamento do Itaú Unibanco foi feito com base nos dados oficiais, portanto reflete a situação atual.

Em 2017, a economia nacional cresceu cerca de 1%. Portanto, o Maranhão, com 9,7%, cresceu quase dez vezes mais. No período, o pior resultado entre os Estados foi de Sergipe, com queda de 3,1%. Em seguida, veio o Rio de Janeiro, com queda de 2,2%.

A previsão do banco Itaú é de que em 2018 haja uma alta de até 3% do PIB em todo o país.

A previsão de outro banco – o Santander – divulgada anteriormente para o ano de 2017 também era de que o Maranhão iria liderar o crescimento entre os Estados.

“Parabenizo o nosso empresariado e os nossos trabalhadores. E vamos manter os altos investimentos públicos que tem ajudado nossa economia”, afirmou o governador Flávio Dino ao comentar os resultados divulgados neste sábado.

“Nas últimas semanas, o nosso Estado se destacou em uma série de rankings: investimentos em Segurança; investimentos em obras; diminuição de crimes violentos; maior salário dos professores no Brasil. E agora o maior crescimento da economia”, acrescentou.

O conteúdo deste blog é livre e seus editores não têm ressalvas na reprodução do conteúdo em outros canais, desde que dados os devidos créditos.

10 respostas para “Maranhão é líder no Brasil com alta no PIB de quase 10%”

  1. José Araújo disse:

    Só nas contas do menino maluquinho que o Maranhão está quebrado

  2. O Analista disse:

    Engraçado que tem tantas notícias boas e a gente não sente isso.
    O povo continua buscando a mudança proposta pelo Comunismo.

  3. Sidônio disse:

    um EXCELENTE ÍNDICE DE PROGRESSO o que demonstra o acerto da administração FLÁVIO DINO—-afinal o competente governador encontrou um MARANHÃO / SUCATA com os piores indicadores sociais do Brasil deixado para trás pela oligarquia sarney apeados do poder pela força dos votos dos maranhenses do bem , decentes desesperados pelo destronamento da CLEPTOCLÃ do poder. ESSE ÍNDICE MOSTRA CLARAMENTE O PROGRESSO COM SOMENTE 3 ANOS 2 MESES E 10 DIAS DE ADMINISTRAÇÃO FLÁVIO DINO. isso é fato concreto não é elogio —FATOS CONCRETOS E INDEPENDENTES.

  4. Maria disse:

    Informação de especialista no assunto desmonta falácias. http://www.valor.com.br/brasil/5341593/seguranca-perdeu-espaco-no-orcamento-em-16-estados
    Só se engana, quem quer ser enganado, como se divulga dados oficiais sem ter divulgação? “Os dados por Estado ainda não foram divulgados pelo IBGE (hoje as informações mais atualizadas são de 2015), mas o levantamento do Itaú Unibanco foi feito com base nos dados oficiais, portanto reflete a situação atual”.

    Leia mais: http://jornalpequeno.blog.br/johncutrim/maranhao-e-lider-no-brasil-com-alta-no-pib-de-quase-10/#ixzz59NvtETHa
    http://www.rankingdecompetitividade.org.br/ranking/2017/geral

  5. Capelobo Júnior disse:

    Quero saber aonde entra Flávio Dino na história é sempre assim, se apoderando daquilo que nunca faz. Me diz qual é a política econômica desse governo que só aumentou impostos? Apenas a produção de único setor que contribuiu para o crscimento do pib.

  6. Roberto disse:

    Vixe, agora os lambe-botas, baba-ovo, sabujinhos da oligarquia se enforcam! Vão dizer que Flávio Dino comprou, blábláblá o chororô de sempre. Com essa pancada na “guerreira” deles, a sinhazinha do engenho agora some. Chora cambada!

  7. S .Mar disse:

    E agora ECONOMISTA.
    O estado não está quebrado.
    O PIB em crescimento.
    E agora José…
    Maior salário para professores do Brasil
    Índices de criminalidade despencando.
    Aumento considerável em serviços.
    E agora José…
    Maior investimento em segurança pública
    E agora José..

  8. jeffersson disse:

    Não entendo o porque de tanta “comemoração” o que puxou o PIB foi SOMENTE o agronegocio de grãos ao qual não existe nenhuma interferencia governamental ou melhor tem, os comunistas demonizam o agronegocio e não oferece infra estrutura, vide o estado das pessimas estradas estaduais. Como sempre fazem os comunistas não plantam e pulam para o quintal alheio para se alimentar.

  9. José Mário disse:

    Sem duvida, economicamente uma ótima notícia para o maranhao, mas isso não é o suficiente, tudo que o maranhao produz não fica no estado vai pra fora, não agrega valor, nada é industrializado no Maranhão, cadê as indústrias pra agregar valor e produzir renda, emprego e riqueza pro estado? Acho que o maranhão exporta 90% do que consome, 20% da população estão desempregados, precisa incentivar as indústrias, o comércio, a população não vê o resultado desse crescimento. A desigualdade social continua acentuada,um estado com 50% da população estão abaixo da linha da pobreza, poucos com muito e muitos sem nada, a miséria e pobreza estão cada vez maior.
    Acho que essa questão deveria ser uma prioridade do governo.
    O maranhao não tem o que comemorar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

mais / Postagens