Fechar
Buscar no Site

Dino rebate governadores que defendem fim da estabilidade para servidores

Flávio Dino (PCdoB), governador do Maranhão, reeleito para seu segundo mandato, publicou em sua conta no Twitter uma mensagem rechaçando reivindicação de vários governadores eleitos, no sentido de acabar com a estabilidade dos servidores públicos. “Esclareço que não me incluo nesse conjunto. Problema do Brasil é a falta de crescimento econômico, que arrasou com as finanças públicas. Tirar estabilidade dos servidores não vai resolver o problema”, destacou.

Esta semana, durante um encontro realizado em Brasília, governadores eleitos de 19 estados entregarem uma carta a Jair Bolsonaro, solicitando a flexibilização dos critérios que regem a estabilidade dos servidores públicos.

O documento, que recebeu o nome de “Cartas dos Governadores”, apresenta 13 pontos considerados prioridades para o novo governo, entre eles, reforma da Previdência e tributária; alteração da Constituição para que os estados possam explorar concessões portuárias e de infraestrutura aeroportuária, além dos serviços de energia elétrica; flexibilização da estabilidade dos servidores públicos, entre outros. (Revista Fórum)

O conteúdo deste blog é livre e seus editores não têm ressalvas na reprodução do conteúdo em outros canais, desde que dados os devidos créditos.

7 respostas para “Dino rebate governadores que defendem fim da estabilidade para servidores”

  1. Rafael de Souza Brito disse:

    concordo com o nosso governador flavio dino, pois não há porque acabar com a estabilidade no serviço público

  2. wilson disse:

    DINO —-MUITO BEM—-CORRETO —CORRETÍSSIMO — DEFENDER A ESTABILIDADE DOS –CONCURSADOS – DO SERVIÇO PÚBLICO—– NADA MAIS JUSTO E CORRETO—– A BASE DE FUNCIONÁRIOS PÚBLICOS MOVIMENTA A –CAPENGA- ECONOMIA BRASILEIRA—- pelo menos eles podem comprar–pagar— …. DINO HOJE VOCÊ ACERTOU …..O DINO QUANDO DEIXA DE BAJULAR O SANTO LULA LADRÃO– O PT—E OS PTRALHAS- ESQUERDALHAS—— E O DINO VOLTA A SER O JUIZ FEDERAL ….. COM A JUSTIÇA JUSTA E CORRETA —– ELE …..ACERTA…… mas quando veste a —fantasia de …adorador do santo lula ladrão e do PT as coisas descambam para o ridículo e vergonhoso…….. mas também …….minha avó já dizia……..[ninguém é perfeito…….]

  3. Capelobo disse:

    O Brasil será um país de verdade no dia que o último funcionário público for enforcado nas tripas do último pastir evangélico.

  4. O Homem público tem que ter postura, ética, moral e os bons costumes, não é admissível acabar com estabilidade dos servidores público, quem fez concurso e foi aprovado e tomou posse é pq mostrou que tem competência para os cargos pleiteados, existem políticos que tentam a todos os custos prejudicar os funcionários público. O administrador público seja ele em qual área esteja, tem que ter responsabilidades e coerência, já foi provado nessa última eleição, que não é partidos políticos, bilhões de dinheiro, que ganham eleições, o que faz com que os eleitores trabalhem , votem ,e eleja é a pessoa que passa segurança ao POVÃO, de agora em diante, os políticos que dizem uma coisa em campanha eleitoral, e depois de eleitos fazem outras coisas totalmente diferente do que prometeram na campanha, devem ser banidos das urnas. Muitas coisas precisam serem mudadas, umas delas, é não votar em políticos corruptos, os corruptos são covardes e despreza o POVÃO, eles não se importam em trabalhar com políticas públicas e justiça social, os corruptos só se preocupam em fazerem maracutaias, roubar, desviarem dinheiro público, não estão se importando se os menos favorecidos estão morrendo nas filas dos hospitais por falta de atendimentos médicos, remédios, os corredores dos hospitais lotados por faltas dos leitos, o novo presidente dá república, tem boas intenções de trabalhar em favor do Brasil e do POVO brasileiro. Como a esquerda é medíocre. Bolsonaro faz reunião com os governadores, 7 deles do nordeste não comparecem, todos dá esquerda não pensam no POVO, medíocres! coitados do POVO do nordeste, eles possuem uma ideologia dos infernos que está a cima dos interesses dá nação. O Governador seja ele de que partido pertença, ele tem por obrigação cuidar dos povo do seu estado, mesmo pq foram eleitos para isso, trabalhar e ter capacidades administrativas e competência para gerir a coisa pública, não é admissível uma pessoa que foi eleito para zelar pelo o bem estar do seu estado e do seu POVO, ficar de picuinhas, isso é coisas para políticos despreparados, isso políticos deste tipo, os eleitores já estão de saco cheio. Não é atoa que muitos raposas velhas dá política, estão sem mandatos a partir de primeiro de janeiro de dois mil e dezenove, que isso sirva de exemplos para muitos que se acham que estão a cima das vontades do POVO, quem não trabalhar com responsabilidades e dá ao POVO políticas públicas e justiça social, trabalhos e rendas, saúde, educação, segurança pública de qualidade, certamente essa pessoa não será mais merecedora dos votos dos eleitores conscientes. Vamos ficar atentos com políticos tranqueiras, um Homem público, tem por obrigação, ter coragem e responsabilidades e respeitar os eleitores que votaram e o elegeram, quem não tiver responsabilidades e se achar que está a cima do POVO tem mais é que pedir para sair, pegar seu boné e vai fazer outras coisas na vida, o que não pode e não deve é querer achar que os eleitores são trouxas?. Os oligarcas quiseram seguir esse caminho e pegaram em merdas.

  5. Capelobo junior disse:

    Esse governador deveria era se tratar da desinteria fecal bucal que ele tem. Caloteiro devolve o dinheiro da Fepa. Outra coisa tu conhece Odair jose espoca urna?

  6. Capelobo disse:

    Nada do que esse VAGABUNDO escreve serve para porra nenhuma.
    ANALFABETOOOOOOOO
    VELHO ANALFABETO
    JUSTO JUMENTO
    ANTA
    JUMENTO
    JUSTO JUMENTO ANALFABETO.

  7. Alisando Cresci disse:

    Capelobo, estás coberto de razão, esse JUSTO NÃO PASSA DE UM analfabeto.
    ser CHAMADO DE jumento É OFENSA PARA O Jumento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

mais / Postagens