Fechar
Buscar no Site

Deu na coluna JP no Congresso – o suplente de Sarney Filho

O conteúdo deste blog é livre e seus editores não têm ressalvas na reprodução do conteúdo em outros canais, desde que dados os devidos créditos.

16 respostas para “Deu na coluna JP no Congresso – o suplente de Sarney Filho”

  1. Ze Renato disse:

    Sarney Filho cóf cóf, o jabuti, se subiu!,alguém trepou lá. Pense num politico hipócrita, lambujo, demagogo, uma incerteza como se elege, não discussa, não faz um comício, mas rebenta urna de voto de falecido, como é q pode, só a Policia Federal na causa

  2. DEODOR disse:

    ADEUS OLIGARQUIA—-O POVO LIBERTO NÃO VOTA MAIS NA OLIGARQUIA—-NÃO EXISTE MAIS CURRAL ELEITORAL NO MARANHÃO——agora comprando votos, com milhões sendo torrados………tudo pode acontecer …..mas o PROGRESSO CHEGOU AO MARANHÃO, OS ELEITORES ESTÃO ESCLARECIDOS, O VOTO É SECRETO ENTÃO ………VOTO É SECRETO ENTÃO ………ENTÃO ………ADEUS OLIGARQUIA ….VÃO PARA SEU LUGAR ….O INFERNO…

  3. LONGINO disse:

    essa oligarquia de satanás NÃO SOLTA O MARANHÃO DE SUAS GARRAS ……..QUEREM PORQUE QUEREM SUGAR O SANGUE (o dinheiro) DO MARANHÃO ETERNAMENTE—–igual uma águia cravando as garras num coelho e arrancando suas carnes , devorando com fome , com os olhos da maldade , faminta , sedenta por carne , por sangue——–MAS OS ELEITORES EVOLUÍRAM E NÃO VOTARÃO MAIS NA OLIGARQUIA —-NUNCA MAIS COM AS BENÇÃOS DE DEUS—-O SANGUE DE JESUS TEM PODER SOBRE O MAL–

  4. EVARISTO disse:

    MEU JESUS ………ESSA OLIGARQUIA NÃO DEIXA O MARANHÃO EM PAZ——CRUZ CREDO—–igual ao morcego vampiro de sangue —-adora sugar a presa , sugar todo o sangue —–XÔ SATANÁS —-XÔ ——SOLTA O MARANHÃO —-CRUZ CREDO —-VAMOS REZAR O TERÇO , FAZER NOVENA, CENTENA, PEDIR A DEUS PROTEÇÃO —–plantar arruda, espantar o mal para longe do MARANHÃO—-SANGUE DE JESUS TEM PODER

  5. JOÃO disse:

    A IRMÃ FALOU QUE NÃO QUER PUXAR ===VELHARIA====NO SEU ANDOR——–O FULANO CORREU E TINGIU O CABELO DE PRETO—–SUPER NOVO

  6. O JUSTO. disse:

    Esse cara de PATA choca, vai ganhar é uma grande decepção na eleição de 2018, será que ele ainda pensa que eleição para o SENADO é eleição de deputado que com 100 mil votinhos se reelege? vão ser varias decepções, ele a irmã e os filhos e sobrinhos, parentes e aderentes, todos vão sofrer uma grandiosa derrota, os Maranhenses já não votam mais só por ser filhas ou filhos de beltrano e etc e tal. O POVÃO acordou, já não se elegem mais como antigamente, tapinhas nas costas, abraços de tamanduá, bonés, dentaduras, cestas básicas, canetas, camisetas, materiais de CONSTRUÇÃO, compras de votos e outras coisas a mais, os eleitores que vendia os seus votos no passado, vendia sua dignidades, iria cobrar de quem depois? os maranhenses já são eleitores conscientes e não cairão mais nessas esparrelas como antigamente, temos que nos conscientizar e votar em políticos comprometidos com o POVÃO, já chega de tantos enrolões bater em suas portas com sorrisinhos de falsidades e nos engambelar em época das eleições, é como diz um velho ditado, gato escaldado de água fria tem medo, na minha opinião políticos teriam que ter um curso de políticas públicas e administração pública, saber como aplicar o dinheiro público em benefícios dá população, temos que dá um basta em muitos políticos que só querem ganhar eleição e nada fazem em benefícios dos menos favorecidos, chega de eleger sanguessugas que os eleitores só vê de 4 em 4 anos, depois de eleitos eles desaparecem e vc só verá eles só nas próximas eleições.

    • Capelobo disse:

      Velho PEROBO, XIBUNGO, ANALFABETO.
      AUTO é AUTOMÓVEL ?
      AAAAAANNNNNNNAAAAAAALLLLLFFFAAABEETTOOOOOO.

    • HELDER disse:

      O JUSTO—–como sempre seu texto é a mais absoluta VERDADE—-não tem como CONTESTAR—–A VERDADE NUA E CRUA——os limpa cú da oligarquia podem xingar, vociferar, latir, vomitar, cagar, MAS……..CONTESTAR NÃO PODE ——A VERDADE TEM FORÇA PRÓPRIA, TEM SOLIDEZ DE UMA PIRÂMIDE DO EGITO (QUEOPS) então só resta ACEITAR —–quanto aos limpa cú ……só CREOLINA PARA LIMPAR A BOCA DELES—-CREOLINA PURA —-E UMA BOA PALHA DE AÇO NÚMERO 2 —

  7. antonio muniz disse:

    O nu artístico e as teoria conflitantes
    Qualquer pessoa que conheça Antonio Gramsci , há de dizer que esse teórico do comunismo universal não tem nenhuma relação com o que está sendo debatido aqui no Brasil e na Europa sobre os dois temas mais observados fora da política nos últimos tempos : a concepção do é Arte e o conflito armamentista Norte Coreano e americano. Ainda por cima, terão aqueles que hão de dizer o quem esse leigo em “Comunismo” terá para explicar sobre os acontecimentos que ora estão em discussão neste momento?Para mim, qualquer comentário é sem dúvida bem vinda. Quero deixar claro que o motivo do tema, deveu-se ao fato que os dois temas , estão em questão, não somente aqui , mas espalhou-se pelo mundo.A obra de Arte , pode ser qualquer iniciativa, ou ela tem regramento cultural , ético e moral? A discussão que se faz aqui no Brasil não é diferente, por exemplo, da Europa, aonde as questões relativas a cultura e diversidade de gênero estão sempre em constante questionamentos, tanto é que os maiores museus de Paris estão em campos oposto sobre a nu artístico e o nu erótico, no que se refere às faixas etárias dos visitantes … Se de um lado os museus –dois museus de Paris – Museu d’Orsay e o Museu da Orangerie –seguem em frete com suas exposições , o mais famoso do mundo o “Museu do Louvre” cancela a exposição , atendendo ao seu público. É evidente que qualquer exposição possa ser exibida, obedecendo alguns critérios dos quais toda civilização tem o direito e o dever de saber que existe, obedecido o critério de quais públicos deseja atingir. Um aspecto interessante nessa discussão, prende-se ao fato de que “Lá em Paris” , a exposição não tem o mesmo propósito do que tem o “Queermuseu”… Aqui, o que foi exposto foi corpos de pessoas em estado de erotização, em apelo direto àquilo que se tem combatido : A pedofilia. A diferença fundamental nas exposições francesas_ “Tragam seus filhos para ver gente nua”, trata-se na verdade de esculturas retratando o corpo humano,como figuras lúdicas sem o apelo erótico… Já aqui de corpos , exibido de pessoas vivas conscientes de que estavam sendo manipulados com a finalidade pretensa.A peça utilizada em Paris “Femme Nue Couchée” (Mulher Nua Deitada), de 1907, do pintor francês Auguste Renoir_ tenho certeza que ao serem expostas não desperta nas pessoas o mesmo sentimento de que quem a toca _incentivado ou não o _ corpo de uma pessoa exposta. Ao exporem as telas desses artista , ao contrário destas, aonde a _pseudo-performance , apresenta pessoas de carne e osso , em que visitantes_ entre elas criança são incentivadas ao ter contato físico com as ditas obras de arte. Além disso os rascunhos , retratando crianças em estado de abusos sexuais ,exibição de imagens de entidades religiosas Sodomizadas, pessoas praticando atos de zoofilia, pinturas (peidadas ao vivo) aonde o artista enche o reto de tinta, ter a pretensão de que isso é arte , chama atenção porque choca , não pelo ato , mas muito mais pelos objetivos aos quais se destina. A exposição com patrocínio de um instituição financeira_ Banco Santander_ valendo-se da lei de incentivo a Cultura , para patrocinar um evento desse gênero,com grande apelo erótico é no mínimo insanidade intelectual. É nesse momento que o MBL, se apropriar nas teorias socialista do italiano Antonio Gramsci, cuja primordialidade é antes de tudo destruir e conspurcar tudo o que é considerado valor na sociedade ocidental, parece ter encontrado eco no que pensa a esquerda brasileira, não meramente para desafiar a concepção de arte, mas, tão somente para se contrapor a todos os valores que ainda permeiam o imaginário de nossa sociedade. Esse combate por si só, explica a retórica da existência do domínio político pela simples existência da “vontade de poder” ou de “prestígio”, como sendo inerente aos homens e às nações, numa explicação duvidosa e histórica a querer constatar, de forma a criticar, o poder como sendo algo desenraizado da natureza humana. Se de fato a sociedade “oriental”, como analisada por Marx e Lênin em suas obras, a dominação burguesa é exercida essencialmente através da violência controlada pelo Estado, como a que vemos na Rússia, na China , Coréia do Norte , Cuba e Venezuela explica as lutas de classes pela buscadas no controle do estado pelas esquerdas, já não mais se justificam , mas , pelo vezo ideológico claramente identificável na famigerada exposição “Queermuseu” , já que as supostas obras de arte , paradigmamente não se enquadram como sendo… Se somente aqui no Brasil , por exemplo houvesse opiniões divergentes sobre “Queermuseu”, mesmo assim mereceria uma reflexão sobre os impactos que essa exposição causaria. Se a liberdade de expressão concernente ao que pode ser considerado arte (ou obra de arte), essa é uma das principais argumentações que é feita pelos organizadores do evento “Queermuseu”de modo que antes de mais nada , ninguém se arvoraria contrário á exposição , desde que o público a quem se destina fosse específico.. Talvez baseado no que afirma Marx , de que não é a consciência que determina a vida, mas sim a vida que determina a consciência”, pode-se deduzir que esse evento tem como meta minar os alicerces culturais nas quais a sociedade se firma brasileira.Ninguém pense que a exposição “Queermuseu” tenha sido um fato isolado , isto porque faz parte de uma estratégia articulada para minar os pilares da cultura , que para eles representa um entrave para seu estabelecimento. Numa outra situação, a operação “Queermuseu”, é uma reação política , pensada e articulada para por uma cortina de fumaça no que está acontecendo no “País” , aonde os principais nomes da política e em especial a” Esquerda”,ou estão em cárceres , condenados ou sob severas investigações por enormes atos de corrupção, daí a necessidade em desviar a atenção da sociedade. Se, se prestar atenção nos fatos, logo percebe-se que o fato de que na cidade mais democrática do planeta _Paris_ simultaneamente, três grandes museus aderem o nu como tema infantil , deduz-se que houve uma articulação de cunho ideológico com a mesma finalidade.Os freqüentes fracassos da esquerda na América latina ressuscita a velha tática de minar os pilares que sustentam nossa organização social, assim como aconteceu na Rússia, através de um ataque explosivo concentrado em breve lapso de tempo, devido às características do Estado czarista, um estado “restrito”, composto basicamente de aparelhos coercitivos e repressivos.Nos países de capitalismo desenvolvido, o “assalto frontal” dificilmente obteria o mesmo sucesso diante da superestrutura ampliada e mais consistente dos Estados ocidentais. Nestas sociedades,se desenvolveu uma realidade social marcada pela existência de uma vida parlamentar e de partidos políticos consolidados, graças à conquista do sufrágio universal, nos quais se sustentam , além de sindicatos, associações representativas dos interesses dos diversos grupos econômicos, sociais e religiosos e uma imprensa cada vez mais influente, o que não acontece no oriente.Enquanto o filósofo italiano declarava que o proletariado ocidental jamais se tornaria classe dominante se não superasse posturas corporativas e “sindicalistas”, nem manteria sua hegemonia e sua ditadura, caso não sacrificasse os interesses imediatos em favor dos interesses gerais e permanentes da classes dominante. O Partido dirige a classe penetrando em todas as organizações nas quais a massa trabalhadora se agrupa e realiza nelas e através delas uma sistemática mobilização de energias seguindo programa da luta de classe, bem como uma ação de conquista da maioria para as diretrizes comunistas. Desse modo, deve-se considerar, assim como se considerou na arte, que a cultura está intimamente ligada à ideologia de cada sociedade, uma vez que o que se deve “transmitir às novas gerações para garantir a reprodução ideológica” passa, necessariamente, por considerar, também, o que não se deve transmitir e como separar o joio do trigo.O conceito ideológico de arte, está sendo testado , não somente agora ,já que a ideologia é uma atividade filosófico-científica que estuda a formação das idéias a partir da concepção e da observação do homem no seu meio. Não é essa a primeira vez que a arte tem sido usada como meio de contestar uma realidade a que se queira reformá-la ou extingui-la. A referência ao pensador e filósofo alemão Karl Marx, é muito importante para qualquer estudo sobre os significados dos termos ideologia e arte . O estudo mais relevante de Marx sobre o tema é o texto chamado de “A Ideologia Alemã”. Para Marx, a produção das idéias não pode ser analisada separadamente das condições sociais e históricas nas quais elas se insurgem… Senado assim aquilo que é chamada de representação cultural , “queermuseu”, nada mais é do que um rompimento com o que se pode classificar como sendo “Arte” no sentido clássico , mas a introdução de um conceito anarquista , apoiado num movimento ideológico que antes do mais nada pretende romper com os paradigmas do moralmente concreto e socialmente coreto. Daí a tremenda disparidade de opiniões a respeito do que é arte e suas representações e a qual público se destina. Do contrário , os museus da Paris teriam sem restrição levado de crianças a verem estátuas e pintura, ao contrário do “Querrmuseu” que o MAM está a exibir. Enquanto a diretora da exposição afirma que a pretensão era que as crianças que levem os pais aos museus, aqui , são as mães-ideológicas que elevam suas filhas , não a exposição propriamente , mas expondo-as …

  8. O JUSTO. disse:

    Cupeloba, bicha louca, tanga frouxa, batedor de carteira no antigo Oscar Frota, a Mãe e ás irmãs todas putas na 28 de julho, agora elas fazem biscates no XIRIZAL do portinho, CUPELOBA é agenciador das irmã putologas, ele é Qualirão, pinta os cabelos de loira e fica no calçadão do hotel central mostrando a rabiolas para os que passam de carro, CUPELOBA moçoila TANGA FROUXA quer arrumar um NAMORIDO aqui nesse blog kkkkkkkkkkk, cria vergonha nessa tua cara lavada PUTABICHONAPOBRETONA UÍ. ELA QUER MAMAR NO CAJAZEIRO GROSSO! lol.

  9. antonio muniz disse:

    Eu não diria isso do “CU”pelobo, mas assino em baixo o que disse o Justo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

mais / Postagens