Fechar
Buscar no Site

Deputados Rubens Jr., Fufuquinha e Juscelino Filho se pronunciam sobre denúncia de Hildo

A respeito da matéria publicada no Jornal Pequeno desta quarta-feira (11), os deputados federais Rubens Júnior, André Fufuca e Juscelino Filho afirmam que o texto é tendencioso e traz informações desvirtuadas da realidade, além de omitir partes que deixariam claro que nenhum deles foi acusado de ato algum.

Os parlamentares repudiam também a atitude do veículo em publicar a reportagem sem sequer procurá-los para prestar qualquer esclarecimento, uma vez que nunca se negaram a oferecer informações para os meios de comunicação.

Por fim, os deputados lamentam que conversas de cunho privado, travadas entre os membros da bancada, tenham sido divulgadas de forma leviana e criminosa, e assim rechaçam quaisquer ilações que busquem macular a atuação dos mesmos na Câmara Federal.

DENÚNCIA

O Jornal Pequeno divulgou que o deputado federal Hildo Rocha (PMDB) teria denunciado à Polícia Federal a troca de emendas por propinas. O peemedebista acusou os colegas André Fufuca (PP), Juscelino Filho (DEM) e Rubens Pereira Júnior (PCdoB), de “só pensarem em dinheiro, e quererem se dar bem”.

Segundo as mensagens trocadas no grupo que envolveu os quatro deputados já citados e mais Aluísio Mendes, o peemedebista Hildo Rocha afirmou que houve um empenho de R$ 40 milhões para a Saúde – paga no fim de 2016 – e a verba foi dividida para alguns municípios de indicação dos parlamentares André Fufuca, Juscelino Filho e Rubens Pereira Jr.

André Fufuca pediu a Hildo Rocha que apresentasse provas ou levasse o caso a Polícia Federal. Rocha apresentou documentos no grupo de WhatsApp e afirmou que já havia denunciado o caso à Polícia Federal.

Rubens Pereira Júnior disse que “acusações assim não ajudam em nada. Especialmente por ser conhecidamente falsa”, Hildo Rocha rebateu sugerindo que “se pedisse uma fiscalização na Comissão de fiscalização da Câmara”. Nenhum dos deputados se manifestou.

Num outro trecho da conversa, o deputado do PMDB afirma que, “a jogada era pegar o dinheiro da retaguarda nos municípios beneficiados.Tem até pedido de propinas. Tenho até as gravações de áudio”, afirmou Hildo Rocha.

O ambiente na bancada maranhense não é dos melhores. No início do ano houve um problema semelhante com o deputado Victor Mendes (PSD) também provocado por André Fufuca e Juscelino Filho. Na ocasião, Victor Mendes e Hildo Rocha quase vão às vias de fato. O episódio foi noticiado no Colunaço do Pêta.

DIÁLOGO

André Fufuca – Me respeite!!

Hildo Rocha – Como? Se você faz esse tipo de bandidagem conosco

André Fufuca – Você tem por obrigação encaminhar esse áudio para a polícia federal

Hildo Rocha – Sim, já fiz isso. Antes do que você imagina.

André Fufuca – Se não o fez, não se preocupe eu mesmo irei fazer amanhã o encaminhamento desse áudio.

O conteúdo deste blog é livre e seus editores não têm ressalvas na reprodução do conteúdo em outros canais, desde que dados os devidos créditos.

3 respostas para “Deputados Rubens Jr., Fufuquinha e Juscelino Filho se pronunciam sobre denúncia de Hildo”

  1. Pirulito disse:

    Somos culpados por eleger só bandidos, também, não temos outra opção infelizmente.Tudo continuara como sempre.Isso é uma vergonha para o Maranhão. Coisas que vocês políticos não tem “Vergonha”. Só pensam em roubar o povo. Aqui fica meu protesto, a única coisa que posso fazer, antecipo que de nada vai adiantar, mais da justiça lá de cima, nenhum escapará.

  2. Albert disse:

    Esses deputados do Mararanhao são uma corja de patifes

  3. JOÃO PEDRO disse:

    VAMOS FAZER UMA CORRENTE DO BEM —–EM 2018 VOTAR FICHA LIMPA—–FICHA LIMPA EM 2018 —–só isso, sem stress, sem brigas, sem xingamentos—–EM 2018 VOTAR FICHA LIMPA——EXISTE INÚMEROS CANDIDATOS FICHA LIMPA—-CANDIDATOS—-( OS ficha limpa não tem dinheiro para comprar votos)) vamos dar adeus a oligarquia, adeus aos RATÕES/RATAZANAS e votar ficha limpa em 2018 —–JAMAIS VOTAR NULO OU EM BRANCO —NUNCA/NUNCA/NUNCA—–VOTAR FICHA LIMPA EM 2018 E SEMPRE

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

mais / Postagens