Fechar
Buscar no Site

Deputados aprovam MP que garante a professores do Maranhão maior salário do país

Os deputados estaduais da base do governo garantiram a aprovação da Medida Provisória 272/2018, que concede aumento salarial de 6,81% aos professores, durante a sessão desta quarta-feira (16), na Assembleia Legislativa. Com a medida de valorização salarial, o piso dos docentes com jornada de 40h semanais passará a ser de R$ 5.750,83 e, de 20h, será de R$ 2.875,41.

Mesmo com forte oposição sarneyzista contrária a aprovação de aumento salarial, os deputados da base do governo do Estado garantiram a aprovação da Medida Provisória. Votaram contra os deputados César Pires, Adriano Sarney, Edilázio Júnior, Sousa Neto, Graça Paz e Max Barros. Wellington do Curso se absteve da votação.

Com a aprovação da recomposição salarial a todos os integrantes do Subgrupo Magistério da Educação Básica do Maranhão e professores contratados, os professores do Maranhão tiveram, desde 2015, reajuste de 30,35%.

Esse número é bem acima da inflação do período medida pelo IPCA (índice oficial), de 21,46%. Isso significa que os professores tiveram um significativo aumento real, ou seja, elevaram o poder de compra diante da inflação.

O conteúdo deste blog é livre e seus editores não têm ressalvas na reprodução do conteúdo em outros canais, desde que dados os devidos créditos.

11 respostas para “Deputados aprovam MP que garante a professores do Maranhão maior salário do país”

  1. O JUSTO e os sonhos deles é voltar a colocar ás mãos nas chaves dos cofres público disse:

    Não era esse tal, wellington do curso que ficou o tempo todo com os blá-blá-blá, se dizendo a favor dos professores? e na hora dá votação, não quis votar? se absteve, rapaz, falar é uma coisa, agora fazer é outra coisa totalmente diferente, teorias é uma coisa, práticas já é outras coisas, como pode um cara que passou o tempo todo, falando em benefícios para os professores, e na hora de votar o aumento salarial não quis votar? que cabrinha sem noção, o que será que ele vai alegar agora?
    ficam brincando de fazer oposição, ao invés de fazerem projetos de leis, aprovarem leis em benefícios dos maranhenses, essa oposição que eles tentam fazer é oposição furada, sem fundamentação legal, ao invés de legislar em benefícios do POVO e para o POVO, ficam com mi-mi-mi, oposição irresponsável, em outubro próximo, que os professores deem ás respostas nas urnas, essa oposição são farofeiros, os oligarcas são contra ao bem estar do POVÃO, quando algo vai beneficiar o POVÃO eles votam contra, quando vai ferrar o POVÃO, então, eles votam a favor.Cambada de lazarentos, só veem os seus umbigos, o que é de beneficiar os trabalhadores eles são contra, isso é desde de muitas décadas ainda existem trouxas que votam e elegem esses tranqueiras.

  2. moro de pijamas disse:

    Não deboche da nossa inteligência. O Governador não deu aumento, isto, é reajuste do repasse federal. Me prove que o Maranhão aplica a regra Constitucional da contrapartida.

  3. Iran disse:

    Avante Maranhão avante,enfrente….a caravana do progresso .. Flávio Dino segue enfrente…..os cães,os lobos ,as hienas ganem,uivam,atacam……novo Maranhão …avante….vamos recuperar os 50 anos de oligarquia …sarna.

  4. RAIMUNDO NONATO MACEDO disse:

    Não sei como as pessoas não são de fato realista ou não seja rancorosos, pois pelo que eu saiba, o valor do piso salarial nacional é de R$ 2.455,35, para jornada de 40 horas semanais, assim podemos ver – SÃO PAULO Com o reajuste, o salário base de um professor de Educação Básica que leciona para os anos finais do Ensino Fundamental e para o Ensino Médio passará de R$ R$ 2.415,89 para R$ 2.585,00 – remuneração 5,2% acima do piso nacional. Então mesmo assim, alguns ainda definem o Governo do Maranhão como ruim para a educação.

  5. RAIMUNDO NONATO MACEDO disse:

    Não sei como as pessoas não são de fato realista ou seja tão rancorosos, pois pelo que eu saiba, o valor do piso salarial nacional é de R$ 2.455,35, para jornada de 40 horas semanais, assim podemos ver – SÃO PAULO Com o reajuste, o salário base de um professor de Educação Básica que leciona para os anos finais do Ensino Fundamental e para o Ensino Médio passará de R$ R$ 2.415,89 para R$ 2.585,00 – remuneração 5,2% acima do piso nacional. Então mesmo assim, alguns ainda definem o Governo do Maranhão como ruim para a educação.

  6. Mandioca disse:

    TODA A CATEGORIA esteve em peso EXIGINDO que a matéria fosse rejeitada.
    Foi preciso o grande canalha ordenar que a policia evacuasse os salões da Assembléia Legislativa para a votação da NEFASTA Medida Provisoria.
    Das duas uma, ou os professores, há exemplo dos eleitores de dino são retardados mentais ou a MP RETIRA direitos dos trabalhadores.

  7. NEY FERREIRA disse:

    OS SANEYSISTAS VOLTARAM A FAVOR DA APLICAÇÃO DO ESTATUTO DO EDUCADOR, E NENHUM DEPUTADO EXPLICOU O PORQUE DA DESTRUIÇÃO DESSA LEI, QUE DEVE SER APLICADA TODO JANEIRO DE CADA ANO, SEM MODIFICAÇÃO; ASSIM COMO O GOVERNO FEZ NO SEU PRIMEIRO ANO DE MANDATO. NENHUM PROFESSOR É CONTRA REAJUSTE, SO QUEREMOS A APLICAÇÃO DA LEI!
    EXPLIQUE MELHOR!

  8. Falcao disse:

    Não é verdade, Flávio Dinossauro sempre mentindo. Ontem os deputados Carlos Braide e Wellington do curso fizeram pronunciamento na assembleia mostrando que Flávio Dinossauro está mentindo.

  9. jmrfrazao disse:

    A realidade é que existem professores ligados ao PT, MDB disfarcado, em fim essa oposição oligarca tenta de todas as formar prejudicar os servidores públicos. Foi assim por mais de cinco décadas. Governo do atraso no Maranhão,nunca mais.

  10. Só os professores podem saber o q passam com seus salários. Nenhum governante gosta dos professores e isso é fato. E não adianta milhões gastos em propaganda, blogueiros tendenciosos e pessoas defendendo o governo.
    Outro fato é q a insatisfação nas escolas com esse atual governo é muito grande.

  11. Monica disse:

    Pelo que entendi a MP tirou foi direitos dos professores. Não é a toa q entraram na justiça contra essa mp.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

mais / Postagens